23:06 05 Abril 2020
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    221
    Nos siga no

    O número de mortos pelo novo coronavírus na China aumentou para 490, enquanto os casos registrados no país somam 24.324, segundo a Comissão Nacional de Saúde chinesa. 

    "Até meia-noite de 4 de fevereiro, a Comissão Nacional de Saúde recebeu de 31 províncias os dados sobre 24.324 casos confirmados de pneumonia provocada pelo novo coronavírus, sendo que 3.219 pessoas permanecem em estado grave, 490 morreram e 892 pessoas receberam alta", disse um comunicado do órgão. 

    Na véspera, a cifra de mortos na China tinha chegado a 425 mortos e 20.400 infectados. 

    O novo coronavírus foi detectado pela primeira vez na cidade chinesa de Wuhan, no final de 2019, e catalogado como 2019-nCoV. 

    No dia 30 de janeiro, a Organização Mundial de Saúde (OMS) decretou emergência internacional devido ao surto do novo coronavírus, que já chegou a 24 países. 

    No Japão, os 3.500 passageiros e tripulação de um cruzeiro precisarão ficar em quarentena de até 14 dias após um homem que saiu do navio em Hong Kong ter sido infectado. Ao todo, 273 pessoas bordo fizeram o teste e 10 deram positivo para o vírus. 

    Primeira morte em Hong Kong

    Nesta terça-feira (4) foi registrada a primeira morte causada pelo novo coronavírus no território de Hong Kong. Fora da China, houve uma morte nas Filipinas. 

    No Brasil, o Ministério da Saúde investiga 13 casos suspeitos e outros 16 casos já foram descartados. O governo anunciou hoje que o grupo de brasileiros que serão repatriados de Wuhan deverão chegar no Brasil no sábado (4) e ficarão de quarentena em Anápolis, em Goiás. 

    Mais:

    Após 3º caso de coronavírus, Índia tratará chineses que não colaborarem como 'criminosos'
    Coronavírus: a culpa não é da sopa de morcego?
    Ministério da Saúde: 13 casos suspeitos de coronavírus estão sendo investigados no Brasil
    Circula informação falsa sobre 1º caso de novo coronavírus no Equador
    Tags:
    Hubei, Brasil, OMS, mortes, doença, vírus, China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar