18:53 06 Julho 2020
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    180
    Nos siga no

    A Comissão Militar Central da China (CMC) enviou médicos militares para combater o surto de coronavírus na cidade de Wuhan, onde a doença foi detectada pela primeira vez.

    O envio dos médicos militares foi relatado pela emissora chinesa CFTV nesta sexta-feira (24). Segundo a emissora, 40 médicos foram enviados para a unidade de terapia intensiva do Hospital Pulmonar de Wuhan, a pedido da CMC.

    Identificado pela primeira vez no final de dezembro de 2019, a doença pulmonar foi recentemente confirmada pela China e pela Organização Mundial de Saúde (OMS) como um noto tipo de coronavírus que vem sendo chamado de 2019-nCoV ou novo coronavírus.

    O novo coronavírus já matou 26 pessoas e infectou mais de 890 na China. Casos confirmados do novo coronavírus também foram registrados nos Estados Unidos, Coreia do Sul, Japão, Vietnã, Cingapura e Tailândia. Apesar dos casos em outros países, a OMS disse na quinta-feira (23) que era muito cedo para declarar uma emergência global sobre a doença.

    As autoridades chinesas tomaram medidas drásticas para conter a propagação do vírus, inclusive impondo toque de recolher e restringindo viagens para até 44 milhões de pessoas nas principais cidades da China central, na véspera do Ano Novo Chinês.

    Mais:

    Após surto do coronavírus, China 'isola' cidade de Wuhan
    China publica FOTO do coronavírus visto por microscópio eletrônico
    Como a China e outros países combatem surto de novo coronavírus
    Encomendas da China e coronavírus: há algum perigo?
    Tags:
    Cingapura, Japão, Vietnã, Coreia do Sul, Tailândia, Estados Unidos, Wuhan, China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar