15:10 25 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    13524
    Nos siga no

    Os potenciais fornecedores receberam propostas para equipar os caças chineses com lasers, mas as especificações da nova arma são desconhecidas.

    O Exército de Libertação Popular da China deu luz verde à compra de lasers, a serem instalados nos seus caças, escreve o diário South China Morning Post. 

    O site oficial de aquisição de armas e equipamentos do Exército da China publicou na semana passada uma informação sobre a compra de tal tecnologia. A informação foi marcada como confidencial, atraindo potenciais fornecedores que a fonte não identificou.

    Segundo especialistas citados pela publicação, o laser funcionará como uma arma capaz de abater mísseis ou aeronaves inimigas e não como uma ferramenta de orientação de mísseis, que já é amplamente utilizada.  A principal vantagem das armas a laser em relação aos mísseis é sua enorme velocidade.

    Utilização atual

    A razão da pouca disseminação dos lasers é a grande quantidade de energia requerida para alvejar um alvo de grandes proporções. A maior parte dos lasers atualmente existentes não é letal, causando apenas a perda de visão parcial ou completa do adversário

    A China já desenvolveu um sistema de laser de defesa antiaérea, com codinome LW-30, que foi exibido no Air Show China 2018, na cidade de Zhuhai, no sul do país. Os EUA também estão conduzindo pesquisas nessa área.
    Agora, a nova arma de combate poderá significar um passo em frente na utilização militar desta tecnologia.

    Mais:

    EUA reforçarão presença no Pacífico contra a China, segundo Bloomberg
    Pentágono está apreensivo com rápido desenvolvimento da Rússia e da China
    Acordo entre China e Estados Unidos revitalizará a economia mundial? Opinião de especialistas
    Tags:
    arma a laser, caça, China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar