17:50 09 Dezembro 2019
Ouvir Rádio
    Manifestantes  repelem tubos de gás lacrimogênito durante protestos em Hong Kong

    Protestos levam Hong Kong a registrar participação recorde em eleições

    © AP Photo / Vincent Thian
    Ásia e Oceania
    URL curta
    345
    Nos siga no

    Os eleitores de Hong Kong compareceram em números sem precedentes neste domingo (24) para as eleições municipais.

    Os manifestantes esperam que o pleito sirva como ferramenta para pressionar Pequim após meses de atos violentos.

    A Comissão de Assuntos Eleitorais disse que um recorde de cerca de 71% dos 4,13 milhões de cidadãos registrados para participar votaram no domingo, quando a apuração começou.

    Foi a maior participação na história das eleições para o conselho distrital de Hong Kong desde que elas foram estabelecidas após a transferência do domínio britânico em 1997, informa a agência AFP.

    A seleção de 452 conselheiros — que cuidam de preocupações de nível comunitário, como rotas de ônibus e coleta de lixo — tradicionalmente gera pouca empolgação, mas ganhou novo significado após meses de agitação política.

    Hong Kong foi atingida por meses de manifestações massivas e confrontos violentos que colocaram a polícia contra manifestantes que pedem eleições populares diretas para o governo do território chinês semi-autônomo, bem como uma investigação sobre a suposta brutalidade policial.

    Os conselhos distritais há muito são dominados pelo establishment pró-Pequim, e os eleitores que buscam mudanças esperam que o enfraquecimento desse controle dê um novo impulso ao movimento.

    "Embora uma cédula [de votação] possa ajudar um pouco, ainda espero que possa trazer mudanças à sociedade e apoiar protestos de rua de alguma forma", disse à AFP o estudante Michael Ng, de 19 anos, que votou pela primeira vez.

    Mais:

    Em Hong Kong, 200 são presos e 188 coquetéis molotov são apreendidos
    Oficial chinês sugere ações 'mais eficazes' de Hong Kong para conter protestos
    Nova onda de violência: mais de 64 pessoas hospitalizadas em Hong Kong
    Nova 'lei dos direitos humanos' em Hong Kong aprovada nos EUA teria 'agenda oculta'
    Tags:
    eleição, China, Hong Kong
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar