07:01 18 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Polícia de Nova Deli cercada por cidadãos em uma rua da cidade, Índia

    Confronto violento entre advogados e policiais deixa quase 30 feridos na Índia (FOTOS, VÍDEO)

    © AP Photo/ Tsering Topgyal
    Ásia e Oceania
    URL curta
    223
    Nos siga no

    Um confronto violento ocorreu em Nova Deli, na Índia, às portas de um tribunal devido à disputa sobre um espaço de estacionamento, provocando muitos feridos.

    Pelo menos 29 pessoas ficaram feridas às portas do tribunal indiano de Tis Hazari, em Nova Deli, onde este sábado (2) aconteceu um confronto entre policiais e um grupo de advogados. Após uma disputa sobre lugar de estacionamento na corte, um dos agentes, supostamente, teria feito fogo sobre um jurista.

    Veículos foram incendiados por advogados em frente das instalações judiciais de Tis Hazari.

    Segundo o canal de televisão NDTV, em resposta alguns advogados incendiaram um automóvel da polícia. A disputa assim se transformou em colisões violentas que deixaram quase 30 feridos, entre os quais 20 são policiais, oito são advogados e um é jornalista de uma agência de notícias local.

    Uma briga aconteceu entre a Polícia de Nova Deli e advogados no tribunal de Tis Hazari depois de alguns veículos policiais terem sido vandalizados e incendiados. Relata-se que foi disparado um tiro. A briga ocorreu por causa de uma disputa de estacionamento

    "Este é um claro caso de arbitrariedade da Polícia, e todos os policiais envolvidos devem ser despedidos e processados", disse o presidente do Conselho de Advogados de Nova Deli.

    Dez caminhões de bombeiros foram enviados ao local para apagar as chamas que afetaram vários veículos.

    Mais:

    Polícia do Chile reprime manifestantes em novos protestos ao redor da sede do governo
    Tensão: China 'não deve se meter' nos assuntos internos sobre a Caxemira, diz Índia
    Analista sugere porque sauditas oferecem à Índia investimento 10 vezes maior do que ao Brasil
    Tags:
    Nova Deli, Índia, colisão
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar