09:35 17 Fevereiro 2020
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    142135
    Nos siga no

    A Coreia do Sul informou nesta terça-feira que disparou tiros de advertência depois que aviões militares russos entraram no espaço aéreo do país asiático.

    O Ministério da Defesa da Coreia do Sul declarou que vários aviões militares russos violaram o espaço aéreo sul-coreano na costa leste sul-coreana.

    O ministério afirma que a Coreia do Sul lançou jatos de combate e disparou tiros de advertência.

    Já a Agência AFP publicou que um jato russo rompeu o espaço aéreo sul-coreano por duas vezes, levando a Força Aérea a lançar mão de caças e disparar tiros de alerta, segundo um funcionário do Estado-Maior Conjunto sul-coreano ouvido pela publicação.

    Foi a primeira vez que um avião russo violou o espaço aéreo sul-coreano, disse o oficial, acrescentando que os militares estavam investigando.

    Aviões militares chineses também invadiram a zona de identificação aérea da Coreia do Sul na terça-feira.

    Até o momento, o ministério não deu mais detalhes.

    Mais:

    Solidariedade: Seul doará US$ 1 milhão para a Coreia do Norte combater efeitos da seca
    Coreia do Sul vê rastro de OVNI perto do vizinho do Norte e envia caças
    Exercícios EUA-Coreia do Sul colocam conversas nucleares em risco, diz Pyongyang
    Tags:
    segurança, defesa, soberania, espaço aéreo, China, Rússia, Coreia do Sul
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar