17:57 14 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Teste de mísseis efetuado pela Coreia do Norte em 4 de maio

    EUA confirmam lançamento de mísseis balísticos pela Coreia do Norte

    © REUTERS / KCNA
    Ásia e Oceania
    URL curta
    4130
    Nos siga no

    As autoridades sul-coreanas afirmaram nesta quinta-feira (9) que mísseis não identificados foram disparados da província norte-coreana de Pyongn do Norte. A informação foi confirmada pelo Departamento de Defesa dos EUA.

    O Pentágono confirmou através de um comunicado que Pyongyang disparou mísseis balísticos nesta quinta-feira (9). De acordo com o Departamento de Defesa dos EUA, os mísseis voaram por 300 km antes de caírem no oceano.

    A agência de notícias oficial da Coreia do Norte KCNA disse, horas depois de a mídia da Coreia do Sul reportar os lançamentos, que os exercícios foram ordenados pelo líder do país, Kim Jong-un.

    Primeiro navio da Coreia do Norte chega ao porto russo de Vladivostok
    © Sputnik / Semyon Apasov
    Os lançamentos acontecem em seguida a um encontro entre Kim Jong-un e o presidente da Rússia, Vladimir Putin, na cidade russa de Vladivostok. Em fevereiro, Kim também se encontrou com o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, pela segunda vez para tratar da desnuclearização da península coreana.Anteriormente, em maio, a Coreia do Norte realizou uma série de lançamentos de mísseis com alcance entre 69 km e 199 km.

    O país asiático segue sob uma série de sanções da ONU e dos Estados Unidos, que foram aplicadas ao longo da última década devido aos testes realizados pelo país, tanto nucleares quanto com mísseis balísticos.

    O ritmo das tratativas pela desnuclearização na Coreia do Norte diminuiu desde o encontro com Trump em Hanoi, no Vietnã. A expectativa era de um acordo fosse assinado entre os países durante o encontro, porém o presidente Trump declinou ao ouvir a demanda de remoção das sanções sobre a Coreia do Norte antes da desnuclearização de locais especificados pelos EUA.

    Apesar disso, Trump tem expressado confiança de que a desnuclearização será acertada com a Coreia do Norte, mesmo diante dos novos testes realizados por Pyongyang.

    Mais:

    Seul comunica lançamentos de projéteis não identificados da Coreia do Norte
    Japão pressiona Coreia do Norte a realizar cúpula entre Abe e Kim
    Pompeo vê conexão entre testes de mísseis da Coreia do Norte e encontro entre Kim e Putin
    Coreia do Norte dispara míssil de curto alcance
    Tags:
    desnuclearização, ONU, Donald Trump, Kim Jong-un, península coreana, Estados Unidos, Vladivostok, Pyongyang, Hanoi, Vietnã, Coreia do Norte, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar