04:09 27 Fevereiro 2020
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    572
    Nos siga no

    Pequim decidiu prolongar a suspensão do aumento de tarifas sobre veículos fabricados nos Estados Unidos e peças automotivas por um período ainda não especificado, a partir de 1º de abril, anunciou o Ministério das Finanças chinês neste domingo. A decisão segue o início da oitava rodada de negociações "construtivas" com Washington, segundo a Pasta.

    "Com o objetivo de implementar os acordos [alcançados] pelos líderes dos dois países… a Comissão da República Popular da China sobre tarifas alfandegárias ordenou que a suspensão do aumento dos direitos aduaneiros sobre veículos e peças dos EUA seja prolongada a partir de 1º de abril de 2019", disse o ministério em um comunicado.

    Anteriormente Donald Trump também decidiu adiar o novo aumento tarifário previsto para 1º de março, observando que havia uma boa chance de Pequim e Washington chegarem a um acordo comercial.

    EUA e a China iniciaram negociações comerciais em uma tentativa de pôr fim à guerra tarifária entre os dois países, que dura desde junho do ano passado. As conversas estão em andamento nos últimos meses.

    Tags:
    Comissão da República Popular da China, Donald Trump, Washington, Pequim, Estados Unidos, China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar