01:58 26 Maio 2019
Ouvir Rádio
    Wu Chi-yun

    Famosa 'alpinista de biquíni' morre de hipotermia em aventura por parque taiwanês

    © Foto: Gigi Wu/facebook
    Ásia e Oceania
    URL curta
    562

    Wu Chi-yun, uma mulher de 36 anos de Taipé, que se tornou muito famosa nas redes como Gigi Wu por seus passeios pelas montanhas de biquíni, caiu em uma ravina e morreu de hipotermia no Parque Nacional Yu Shan, em Taiwan, informa o Corpo de Bombeiros do município de Nantou.

    Durante a subida, a turista tinha com ela um telefone via satélite. Ela ligou para os socorristas e disse que havia caído de uma altura de 20 metros e não conseguia se mover autonomamente devido a ferimentos.

    O incidente ocorreu no sábado (19), mas o mau tempo impediu o uso de helicópteros e os salva-vidas foram obrigados a ir a pé. De acordo com dados preliminares, a mulher esteve no fundo da ravina por mais de 40 horas e morreu de hipotermia.

    De acordo com a Agência Central de Informações de Taiwan, Wu Chi-yun entrou na reserva de Yu Shan em 11 de janeiro e planejava percorrer a trilha de Batunguan até 24 de janeiro.

    As autoridades locais referiram que a menina não tinha permissão para escalar montanhas tão altas como Yu Shan (3592 metros acima do nível do mar). No entanto, ainda não se sabe qual era o nível que ela planejava alcançar para a foto final.

    Wu Chi-yun não era alpinista profissional. Em uma de suas entrevistas, ela disse que esse passatempo surgiu depois de uma aposta perdida. Segundo seus termos, a garota teve que escalar uma montanha e tirar uma foto de maiô. Durante quatro anos ela realizou quase 100 subidas tirando fotografias em 97 trajes de banho.

    Mais:

    Avalanche de cimento 'enterra' trabalhadores na China (IMAGENS FORTES)
    Alpinista conquista arranha-céu mais alto da Coreia do Sul (VÍDEO)
    Avalanche leva vida de 2 pessoas na Espanha
    Tags:
    biquíni, montanhas, frio, mulher, Taiwan
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar