16:13 18 Novembro 2018
Ouvir Rádio
    O destróier USS Curtis Wilbur, da Marinha dos EUA

    2 navios de guerra americanos atravessam estreito de Taiwan em meio a tensões com China

    © REUTERS / Marinha dos EUA/ Declan Barnes
    Ásia e Oceania
    URL curta
    3516

    Dois navios da Marinha americana atravessaram na segunda-feira (22) o estreito de Taiwan sem incidentes, informou a agência AP, citando representantes do Pentágono.

    Trata-se do cruzador de mísseis USS Antietam e do destróier USS Curtis Wilbur que, segundo o porta-voz do Pentágono, coronel Rob Manning, navegaram nas águas internacionais no âmbito de uma operação rotineira.

    A missão faz parte dos constantes esforços dos EUA de manter o que considera como liberdade de navegação na região.

    Pela última vez, o navio estadunidense atravessou o estreito em julho, disse outro porta-voz, o tenente-coronel Chris Logan.

    Pequim, por sua parte, considera Taiwan como sua província e qualifica as ações dos EUA como pretexto para impor seu poderio militar na região.

    Nos fins de setembro, aconteceu uma série de incidentes no mar do Sul da China e no mar da China Oriental como as operações de transferência de bombardeiros americanos B-52 ou a aproximação perigosa entre o destróier dos EUA USS Decatur e um destróier chinês da classe Luyang perto das ilhas Spratly.

    As tensões têm lugar em meio de uma guerra comercial entre Washington e Pequim e as recentes sanções americanas contra o setor militar chinês.

    Mais:

    Trump: EUA aumentarão arsenal nuclear até que Rússia e China 'recobrem o senso'
    Taiwaneses se manifestam por referendo declarando independência formal da China
    Tags:
    tensões, navios de guerra, USS Antietam, USS Curtis Wilbur, Estreito de Taiwan, Taiwan, China, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik