04:26 17 Novembro 2018
Ouvir Rádio
    Equipes de resgate trabalham no local da explosão em Cabul, em 31 de maio de 2017

    Atentado suicida mata ao menos 7 e fere 25 no Afeganistão

    © Sputnik / M.Naderi
    Ásia e Oceania
    URL curta
    1 0 0

    Pelo menos 7 pessoas foram mortas e outras 25 ficaram feridas em um ataque a bomba na capital do Afeganistão, Cabul, informou a mídia local neste domingo, citando as forças policiais do país.

    A emissora TOLOnews informou que o atentado suicida, realizado no distrito de Taimani em Cabul na tarde de domingo, teve como alvo os partidários de Ahmad Shah Massoud, o falecido líder político do país que lutou contra a insurgência do Talibã, que comemorava seu aniversário de morte.

    O porta-voz da polícia de Cabul, Hashmat Stanekzai, disse que o homem-bomba também estava dirigindo uma motocicleta.

    De acordo com a mesma emissora, oficiais da Direção Nacional de Segurança do Afeganistão eliminaram outro atacante suicida no início do dia, que planejava realizar uma explosão, contra alvos de Massoud, perto da Embaixada dos EUA em Cabul.

    Centenas de partidários de Massoud estão dirigindo pela cidade e atirando indiscriminadamente para o ar no domingo. A polícia de Cabul informou que mais de 100 pessoas haviam sido presas por atirar no ar a partir do meio da tarde, enquanto 10 armas e 25 veículos haviam sido apreendidos.

    Massoud, líder da insurgência Mujahideen no Afeganistão e ministro da Defesa durante vários anos, foi assassinado em um ataque a bomba em 9 de setembro de 2001, depois de ter sobrevivido a várias outras tentativas de assassinato. Devido à sua contribuição para a luta contra o movimento Talibã, Massoud foi premiado com o posto de Herói Nacional do Afeganistão.

    A Missão de Assistência das Nações Unidas no Afeganistão (UNAMA) documentou 1.692 mortes de civis e 3.430 feridos nos primeiros seis meses deste ano. Os atentados foram a principal causa de mortes de civis no Afeganistão no primeiro semestre – eles foram responsáveis por quase metade do total.

    Mais:

    Reino Unido: Daesh no Afeganistão ameaça Europa
    Queda de helicóptero da Moldávia no Afeganistão mata 12 pessoas
    China nega plano de envio de tropas ao Afeganistão
    Tags:
    violência, atentado suicida, bomba, terrorismo, UNAMA, Hizbul Mujahideen, Talibã, Ahmad Shah Massoud, Hashmat Stanekzai, Cabul, Afeganistão
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik