23:33 18 Junho 2018
Ouvir Rádio
    O líder norte-coreano, Kim Jong-un, à esquerda, e  o líder sul-coreano, Moon Jae-in, à direita, caminham juntos na fronteira do vilarejo de Panmunjom, zona desmilitarizada, 27 de abril de 2018

    Líder sul-coreano: Seul acompanhará Pyongyang no caminho da paz após a cúpula com EUA

    © AP Photo /
    Ásia e Oceania
    URL curta
    Cúpula histórica Trump-Kim (33)
    131

    O presidente da Coreia do Sul, Moon Jae-in, afirmou que seu país está pronto a assegurar a implementação completa dos acordos firmados por Kim Jong-un e Donald Trump em Singapura.

    O líder sul-coreano ressaltou que Seul "acompanhará Pyongyang no caminho da paz e cooperação", prometendo a escrever a "nova história" com a Coreia do Norte.

    "Deixando para trás os dias escuros de guerra e conflito, escreveremos uma nova história de paz e cooperação", disse Moon Jae-in em um comunicado.

    O presidente da Coreia do Sul qualificou o encontro entre Kim Jong-un e Donald Trump em Singapura como uma "grande vitória", elogiando a coragem e a determinação dos dois líderes.

    "É uma grande vitória que os EUA, a Coreia do Sul e a Coreia do Norte alcançaram juntos, é um progresso para as pessoas de todo o mundo", diz-se no comunicado.

    Em 12 de junho, decorreu a primeira cúpula entre os EUA e a Coreia do Norte em Singapura. Após o encontro bilateral dos líderes, foi divulgado um documento conjunto, que Kim Jong-un chamou de "um novo início" nas relações entre os dois países.

    De acordo com o documento, os Estados Unidos se comprometeram a proporcionar "garantias de segurança" à Coreia do Norte, e Pyongyang, por sua parte, reiterou a prontidão de concluir a desnuclearização da península.

    Tema:
    Cúpula histórica Trump-Kim (33)

    Mais:

    Donald Trump e Kim Jong-un assinam documento conjunto
    Apesar do acordo, sanções estadunidenses contra Coreia do Norte continuam em vigor
    Tags:
    cooperação, paz, cúpula, encontro bilateral, Kim Jong-un, Moon Jae-in, Donald Trump, EUA, Coreia do Norte, Coreia do Sul
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik