08:04 28 Janeiro 2020
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    12819
    Nos siga no

    Dois navios da Marinha dos Estados Unidos passaram perto das disputadas ilhas Paracel, no mar do Sul da China, informou a agência Reuters, citando funcionários públicos estadunidenses.

    De acordo com a fonte, o destróier USS Higgins e o cruzador de mísseis USS Antietam passaram a 12 milhas náuticas (22 quilômetros) das ilhas Paracel.

    A agência sublinha que os navios realizaram manobras perto das ilhas Triton, Woody, Tree e Lincoln.

    A China, assim como outros países da região (o Japão, o Vietnã e as Filipinas) tem algumas disputas quanto às fronteiras marítimas e zonas de responsabilidade no mar do Sul da China e no mar da China Oriental.

    Para a China, as Filipinas e o Vietnã utilizam propositadamente o apoio dos EUA para escalar a tensão na região. Washington, por sua parte, afirma que Pequim está construindo ilhas artificiais, transformando-as em estruturas militares e ampliando assim as suas águas costeiras. A China nega as acusações.

    Em 2016, o Tribunal Permanente de Arbitragem de Haia decidiu, após uma demanda das Filipinas, que a China não pode reclamar territórios no mar do Sul da China. Segundo a decisão do tribunal, os territórios disputados do arquipélago Spratly não são ilhas nem formam uma zona econômica exclusiva, mas Pequim não aceitou tal decisão.

    Mais:

    China continua incentivando encontro entre EUA e Coreia do Norte
    China se opõe a 'cruzada' dos EUA contra Venezuela, diz analista
    Tags:
    destróier, disputa territorial, manobras, Ilhas Spratly, Mar do Sul da China, Vietnã, Filipinas, China, EUA, Japão
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar