08:06 25 Maio 2018
Ouvir Rádio
    Submarino australiano HMAS AE1

    Drone filma VÍDEO de submarino australiano da Primeira Guerra Mundial em águas profundas

    © AP Photo/ HOGP
    Ásia e Oceania
    URL curta
    0 10

    O HMAS AE1, o primeiro submarino da Marinha Real Australiana, desapareceu em setembro de 1914, no início da Primeira Guerra Mundial. Agora, uma expedição organizada pela Marinha nacional conseguiu gravar um vídeo dos restos do navio por meio de um drone subaquático em águas profundas perto da costa da Papua Nova Guiné.

    Na manhã de 14 de setembro de 1914, o navio partiu de Rabaul, Papua Nova Guiné, sob o comando do tenente Thomas Besant. No entanto, essa foi a última notícia sobre o submarino e seus 35 tripulantes. O seu destino constituiu um dos principais mistérios da história militar australiana.

    O desaparecimento do submarino foi a primeira perda da Marinha de Guerra do país na Primeira Guerra Mundial (1914 — 1918).

    Levada a cabo com a ajuda do cofundador da Microsoft, Paul Allen, que cedeu o seu barco de investigação Petrel, a operação utilizou um drone subaquático para filmar e inspecionar o local do naufrágio com ajuda de câmaras de alta definição, segundo o portal de notícias australiano ABC.

    As imagens mostram restos da ponte do submarino, a sala de comando e vasos sanitários de cerâmica.

    As imagens recolhidas poderão levantar o véu de mistério que cobre o naufrágio, que ao longo de um século gerou muitas especulações, incluindo a de ter sido atacado por um submarino alemão inimigo ou ter sido atingido por algum outro navio militar.

    Mais:

    Drone submarino atinge 8.213 metros de profundidade no oceano Pacífico (VÍDEO)
    VÍDEO impactante: enorme submarino dos EUA emerge do gelo no Ártico
    Submarino dos EUA que lançou mísseis contra Síria causa revolta na Itália
    Tags:
    naufrágio, Primeira Guerra Mundial, drone, submarino, Papua-Nova Guiné, Austrália
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik