11:15 19 Dezembro 2018
Ouvir Rádio
    O líder norte-coreano Kim Jong-un acompanhado por sua esposa Ri Sol-ju

    Culto à personalidade: esposa de Kim Jong-un recebe novo título na mídia

    © AP Photo / KCNA
    Ásia e Oceania
    URL curta
    311

    Tendências na Coreia do Norte estão mudando, visto que Ri Sol-ju, esposa do líder norte-coreano Kim Jong-un, está conseguindo seu próprio culto à personalidade.

    Ri Sol-ju, esposa do líder norte-coreano Kim Jong-un, recebeu novo título na mídia estatal do país, o que indica que está ganhando seu próprio culto à personalidade.

    O jornal governamental Rodong Sinmun se referiu a ela, em sua edição de 15 de abril, como "respeitada madame Ri Sol-ju", usando hieróglifo reverente coreano normalmente utilizado para se referir aos líderes do país.

    Na mesma maneira, a agência estatal KCNA informou que Ri, sem seu esposo, compareceu no sábado (14) ao Ballet Nacional da China. Em seu artigo, o jornal chamou Ri de "venerada primeira-dama" ou "respeitada primeira-dama", em vez do título habitual "camarada".

    Embora o título seja menos elevado que o de Kim Jong-un ("amado e respeitado"), o novo termo verbal geralmente se refere a líderes supremos da Coreia do Norte. Assim, a atitude na mídia indica que o lugar de Ri na hierarquia estatal se torna ainda mais especial, segundo especialistas do NK News, que veem sinais de Ri Sol-ju estar conseguindo seu próprio culto à personalidade.

    Mais:

    Histórica visita de Kim Jong-un à China em imagens
    Polêmica: jornal sul-coreano defende prêmio Nobel da Paz para Kim Jong-un
    Novo membro da dinastia? Mídia supõe que irmã de Kim Jong-un esteja grávida
    Tags:
    culto, respeito, título, esposa, Rodong Sinmun, KCNA, Ri Sol-ju, Kim Jong-un, Coreia do Norte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik