20:48 21 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Chanceler norte-coreano Ri Yong-ho

    Chanceler norte-coreano vai à Rússia em busca de apoio antes de cúpula entre Kim e Trump

    © AP Photo / Bullit Marquez
    Ásia e Oceania
    URL curta
    190

    O ministro de Relações Exteriores da Coreia do Norte, Ri Yong-ho, partiu de Pyongyang para Pequim nesta terça-feira de manhã e visitará o Azerbaijão e a Rússia pouco depois, informou a imprensa regional.

    Após sua visita à China, o ministro participará da reunião ministerial do Movimento dos Não-Alinhados (NAM) marcada para quinta e sexta-feira em Baku, e depois visitará a Rússia, informou a agência de notícias sul-coreana Yonhap, citando fontes diplomáticas.

    Pyongyang ainda não revelou nenhum detalhe sobre a viagem do ministro de Relações Exteriores.

    O Ministério de Relações Exteriores da Rússia disse anteriormente que Moscou estava trabalhando na visita do ministro de Relações Exteriores da Coreia do Norte à Rússia em um futuro próximo.

    Especialistas ligam a visita de Ri Yong-ho à Rússia, bem como a viagem do líder norte-coreano Kim Jong-un à China na semana passada, ao desejo da Coreia do Norte de garantir apoio de outros países antes das reuniões de Kim com os presidentes da Coreia do Sul, agendada para 27 de abril, e dos Estados Unidos, prevista para maio.

    O foco de Pyongyang seria garantir a preservação do sistema político e reduzir as ameaças militares nas negociações de desnuclearização.

    Mais:

    EUA e Coreia do Sul dão início a manobras militares conjuntas
    Kim Jong-un garante que Coreia do Norte participará das Olimpíadas em Tóquio e Pequim
    ONU amplia sanções contra empresas por comércio com Coreia do Norte
    Tags:
    apoio, acordo de paz, diplomacia, Movimento dos Não-Alinhados (NAM), Kim Jong-un, Donald Trump, Ri Yong-ho, Rússia, Azerbaijão, China, Coreia do Norte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik