13:30 25 Maio 2018
Ouvir Rádio
    Xi Jinping.

    Reeleição indefinida de Xi Jinping desperta raro debate público na China

    © AP Photo / Ng Han Guan
    Ásia e Oceania
    URL curta
    653

    A China experimenta raras demonstrações de dissenso após a publicação de que o Partido Comunista estuda alterar a Constituição para permitir a reeleição indefinida para o cargo de presidente.

    Muitas mensagens contrárias à medida que pode permitir o presidente Xi Jinping governar de maneira indefinida foram apagadas das redes sociais chinesas. 

    Nem todas as expressões, entretanto, foram controladas. Li Datong, ex-editor do jornal estatal China Youth Daily, disse na rede social WeChat que o fim do limite de dois mandatos de presidente pode "semear o caos".

    "Se não há limites de mandato no líder mais alto de um país, então estamos retornando a um regime imperial", disse Li à Associated Press. "Minha geração viveu sob Mao [Tsé-Tung]. Essa era acabou. Como podemos voltar para isso?"

    Também no WeChat, a empresária Wang Ying afirmou que as mudanças são uma "absoluta traição".

    Já a mensagem do sociólogo Li Yinhe de que a alteração devolveria a China a "era de Mao" foi apagada. Ele também disse que o Congresso Nacional do Povo, órgão que representa o Legislativo chinês, irá aprovar a emenda constitucional porque "não representa o povo", mas sim os "desejos da liderança".

    Apesar de Xi ser popular por seus resultados econômicos e política externa firme, é difícil medir a recepção da alteração na Constituição já que a China controla de maneira rígida a liberdade de expressão e as redes sociais.

    "O fato desta proposta ser possível significa que a influência de Xi Jinping está crescendo", disse Chen Jieren, um cientista político independente baseado em Pequim. "O partido está reconhecendo suas conquistas na luta contra a corrupção. As pessoas têm confiança e respeito pela sua maneira resoluta".

    Mas Chen acrescentou: "A China não é Cuba. Nas últimas décadas, os chineses entenderam que ninguém deve ficar no poder por toda a vida".

    O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores, Lu Kang, disse que a proposta "foi feita de acordo com a nova situação e a prática de defender e desenvolver o socialismo com características chinesas na nova era".

    Mais:

    China alterará Constituição para Xi poder governar por tempo ilimitado
    Índia realizará manobras navais para frear influência da China no oceano Índico
    China vai destronar os EUA como a maior nação de energia nuclear, diz agência
    China condena novas sanções unilaterais dos EUA contra Coreia do Norte
    China, EUA e Rússia podem decidir o futuro do Afeganistão no Uzbequistão
    Aeronave estadunidense visa conter China na Ásia-Pacífico
    Tags:
    Xi Jinping, China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik