09:49 14 Dezembro 2019
Ouvir Rádio
    Líder norte-coreano Kim Jong-un, na Fábrica Farmacêutica em Pyongyang

    Seul: Coreia do Norte será eliminada do mapa se usar armas nucleares

    © REUTERS / KCNA
    Ásia e Oceania
    URL curta
    252221
    Nos siga no

    Apesar da recente suavização na península coreana, a Coreia do Norte não abandonou seus planos de usar armas nucleares.

    O uso das armas nucleares por Pyongyang contra a Coreia do Sul ou Estados Unidos será "suicídio" para o país, disse o ministro da Defesa sul-coreano, Song Young-moo, citado pela agência de notícias Yonhap.

    "O regime norte-coreano será provavelmente eliminado do mapa se usar armas nucleares contra a Coreia do Sul ou EUA", declarou Song Young-moo no Fórum de Segurança em Singapura.

    "É uma ideia anacrônica que a Coreia do Norte usará armas nucleares para a unificação [das duas Coreias]", disse o oficial sul-coreano, adicionando que as ameaças de ataque por parte do líder do país, Kim Jong-un, não foram nada além de "propaganda" e não serão seguidas por nenhuma ação.

    Ao mesmo tempo, Young-moo apoiou a posição atual da Coreia do Sul que visa melhorar as relações com o Norte através de diálogo.

    "Pode ser um caminho difícil que poderia levar muito tempo. Mas acho que temos que continuar sendo pacientes", notou o ministro.

    O ministro da Defesa interviu dias depois de seu encontro com o secretário da Defesa dos EUA, James Mattis, no Havaí, onde as duas partes reafirmaram sua cooperação em desnuclearizar a península da Coreia, adicionando que "quaisquer esforços de introduzir uma cunha na aliança dos EUA e Coreia do Sul vão fracassar".

    A reunião dos altos oficiais, bem como o Fórum de Segurança, foram realizados em meio a uma pequena diminuição de tensões na península, na sequência da ordem de Kim Jong-un de restaurar a linha direta com seu vizinho antes dos Jogos Olímpicos em Pyeongchang.

    As relações entre a comunidade internacional e Coreia do Norte foram tensas ao longo do ano passado, com Pyongyang tendo efetuado uma série de testes nucleares e de mísseis que levaram à imposição das sanções pelo Conselho de Segurança da ONU.

    Mais:

    Kim Jong-un 'desperdiçou' todo o dinheiro de seu pai em testes nucleares?
    Diplomacia deve 'impor razão' à Coreia do Norte, diz secretário de Defesa dos EUA
    Coreia do Sul espera que Olimpíadas de Inverno tragam paz à península coreana
    Tags:
    ameaça, lançamento, míssil, armas nucleares, Kim Jong-un, Song Young-moo, Coreia do Sul, Coreia do Norte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar