16:51 18 Janeiro 2020
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    21255
    Nos siga no

    Os norte-coreano consideram que conter o presidente Trump que “perdeu o juízo” apenas é possível com força física.

    No sábado (4), o presidente norte-americano declarou que "muito em breve" vai tomar a decisão sobre a inclusão da Coreia do Norte na lista dos países patrocinadores do terrorismo. Ele sublinhou que Pyongyang representa um problema sério para os EUA e o resto do mundo. Segundo o líder norte-americano, Washington está mudando sua posição porque os últimos 25 anos mostraram uma política fraca em relação à Coreia do Norte.

    "Ninguém sabe onde e quando um tal malandro e louco como Trump pode cometer algo irrefletido. O único jeito de contê-lo é regular tudo isso com força física absoluta", afirma o jornal estatal norte-coreano Rodong Sinmun.

    O jornal acrescenta que uma pessoa com a mente afetada por marasmo não pode agir racionalmente e não compreende as palavras.

    "Se os EUA não levarem em consideração nossa vontade superforte e ousarem atacar, a nós não nos resta outra coisa senão responder violentamente e puni-los com firmeza usando força concentrada. Os EUA não têm forças para nos fazer frente. Quando chegar o tempo para isso, nenhumas lamentações os ajudarão", resume Rodong Sinmun.

    Mais:

    Mísseis da Coreia do Norte podem ficar prontos para alcançar EUA em 6 meses
    7 opções militares, 300 mil mortos e US$ 1,4 tri: EUA detalham guerra com Coreia do Norte
    É preciso fazer pressão na Coreia do Norte, diz OTAN
    Tags:
    tensão militar, Donald Trump, EUA, Coreia do Norte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar