19:59 22 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Míssil de longo alcance da Coreia do Norte

    São detectados movimentos de sistemas de mísseis em várias partes da Coreia do Norte

    © REUTERS / KCNA
    Ásia e Oceania
    URL curta
    17171
    Nos siga no

    Agências de inteligência norte-americanas e sul-coreanas avisaram sobre o que parece ser um iminente teste de mísseis balísticos norte-coreanos.

    Os militares norte-americanos e sul-coreanos aguardam um iminente lançamento por parte de Pyongyang, depois de terem detectado transferências de lançadores de mísseis balísticos em várias áreas da Coreia do Norte, informa o jornal Dong-A Ilbo citando uma fonte do governo sul-coreano.

    Imagens captadas por um satélite dos EUA mostraram movimentos de veículos de transporte e lançamento (TEL, na sigla em inglês) em quatro regiões norte-coreanas, segundo indicou a fonte. Esses sistemas estariam se deslocando em direção a Pyongyang ou para a província de Pyongan Norte.

    Anteriormente, Seul havia informado que Pyongyang pode realizar mais uma provocação entre 10 e 18 de outubro, período em que a Coreia do Norte celebra o aniversário da fundação do Partido dos Trabalhadores no país.

    Por sua parte, mídias estatais norte-coreanas avisaram sobre uma resposta às "provocações militares imprudentes" dos EUA, que, desde o início do mês, enviaram para a península coreana o submarino nuclear USS Michigan, o porta-aviões USS Ronald Reagan e bombardeiros estratégicos B-1B.

    Washington e Seul indicam a possibilidade de o próximo projétil que a Coreia do Norte lançar corresponder ao novo míssil balístico intercontinental Hwasong-13, uma versão modernizada do Hwasong-14, com um maior alcance.

    Mais:

    Mídia: presença de submarinos stealth dos EUA no Pacífico é um aviso para Pyongyang
    'Nossa mão está mais próxima do gatilho': Pyongyang ameaça Guam com 'salva de mísseis'
    Pyongyang poderia ter reativado central no complexo intercoreano fechado
    Tags:
    teste, mísseis balísticos, EUA, Coreia do Sul, Coreia do Norte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar