00:41 14 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    Submarino nuclear norte-americano USS Michigan

    Submarino nuclear USS Michigan chega à Coreia do Sul no fim de semana

    © AP Photo/ Jun Dumaguing
    Ásia e Oceania
    URL curta
    449

    O submarino nuclear USS Michigan chegará ao porto sul-coreano de Busan no próximo fim de semana, em meio à contínua escalada de tensões na Península da Coreia, informou a mídia nesta terça-feira.

    Após o submarino, o porta-aviões USS Ronald Reagan chegará na Coreia do Sul na próxima semana, informou o jornal Chosun Ilbo.

    O USS Michigan pesa 18 mil toneladas e está equipado com 154 mísseis Tomahawk que são capazes de atingir alvos que estão até 1.400 milhas de distância.

    Os Estados Unidos estão aumentando a sua presença militar na Coreia do Sul em meio à escalada de tensões na península, devido aos lançamentos de mísseis de Pyongyang e testes nucleares, levados a cabo em violação das resoluções do Conselho de Segurança da ONU.

    No caso mais recente, em 15 de setembro, a Coreia do Norte lançou um míssil balístico, que voou sobre o Japão antes de cair no Pacífico, cerca de 20 minutos após o lançamento.

    Ao longo da crise crescente, a Coreia do Norte tem trocado ameaças com Washington.

    No primeiro discurso à Assembleia Geral das Nações Unidas, o presidente dos EUA, Donald Trump, ameaçou "destruir totalmente" a Coreia do Norte se forçado a defender os Estados Unidos ou seus aliados.

    O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, emitiu uma declaração, alertando Washington de um "nível mais alto de contramedidas de linha dura na história" em resposta à observação de Trump.

    Mais:

    Pentágono diz que exército dos EUA deve garantir opções militares para Coreia do Norte
    Trump: governos anteriores dos EUA fizeram 'papel de tonto' com Coreia do Norte
    Grã-Bretanha elabora plano de combate no caso de guerra com Coreia do Norte
    Mídia: Seul está pronta para realizar 'operações imediatas' contra Coreia do Norte
    Tags:
    uss michigan, testes balísticos, testes nucleares, submarino nuclear, guerra nuclear, Conselho de Segurança da ONU, Donald Trump, Kim Jong-un, Península da Coreia, Estados Unidos, Coreia do Sul, Coreia do Norte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik