12:21 22 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Poster com propaganda norte-coreana, culpando EUA e países hostis pelas sanções: Todas as regiões dos EUA estão ao alcance dos nossos mísseis agora!

    Estudo calcula o número de vítimas no caso de um ataque nuclear contra Seul e Tóquio

    © REUTERS / KCNA
    Ásia e Oceania
    URL curta
    111
    Nos siga no

    Um possível ataque nuclear da Coreia do Norte contra Seul e Tóquio deixaria 2,1 milhões de vítimas fatais e 7,7 milhões de feridos, segundo um estudo publicado nesta quarta-feira, 4, no site da Universidade John Hopkins.

    O autor do estudo, Michael J. Zagurek Jr., fundamentou os seus cálculos sobre a premissa de que a Coreia do Norte possui 25 mísseis com carga nuclear em estado funcional e a hipótese de que as autoridades norte-coreanas decidam lançar todo o seu arsenal contra Seul e Tóquio, em resposta a um possível ataque contra o país. A potência das ogivas nucleares, segundo o estudioso, varia entre 15 e 250 quilotons.

    O especialista publicou o estudo levando em conta as ameaças feitas pelo presidente dos EUA, Donald Trump, de recorrer à força militar contra a Coreia do Norte. Zagurek afirmou que qualquer ação militar dos Estados Unidos contra o país asiático aumenta os riscos de Pyongyang responder com um ataque nuclear contra a Coreia do Sul e Japão, os principais aliados de Washington na região.

    Mais:

    Putin: ataque global contra Coreia do Norte é possível, mas resultado seria incerto
    Presidente russo: Coreia do Norte tem bomba atômica já desde 2001
    Coreia do Norte acusa EUA de tentarem 'destruir a civilização atual'
    Por que é improvável que a Coreia do Norte use armas nucleares contra Coreia do Sul?
    Coreia do Norte ameaça Japão com 'nuvens nucleares'
    Tags:
    vítimas, guerra nuclear, arsenal nuclear, Michael J. Zagurek Jr, EUA, Japão, Coreia do Sul, Coreia do Norte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar