17:17 23 Julho 2019
Ouvir Rádio
    Líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un

    Coreia do Norte pode construir bomba de hidrogênio até final do ano

    © Sputnik / Iliya Pitalev
    Ásia e Oceania
    URL curta
    48181

    A Coreia do Norte está construindo uma bomba de hidrogênio que pode ser várias vezes mais potente que as bombas atômicas lançadas sobre Hiroshima e Nagasaki.

    A Coreia do Norte pode acabar de construir a bomba de hidrogênio dentro de meio ano a um ano e meio, informou o canal de televisão Fox News com referência a um representante anônimo do Pentágono.

    Segundo o canal, no início do ano passado o líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, declarou que o seu país tinha testado uma bomba de hidrogênio, mas muitos especialistas desmentiram essa informação. As bombas de hidrogênio são mais pesadas que as bombas nucleares normais e por isso a Coreia do Norte tem de aperfeiçoar seus mísseis para usar essa bomba contra os EUA.

    De acordo com Fox News, a Coreia do Norte está construindo o míssil KN-08, que poderá transportar uma bomba de hidrogênio a longa distância. O canal informou que se uma bomba de hidrogênio norte-coreana atingir Washington, mais de 500 mil pessoas morrerão e quase um milhão de pessoas ficarão feridas. Um ataque contra Nova York, por sua vez, pode matar 1,7 milhão de pessoas.

    A Coreia do Norte anunciou em 29 de julho o segundo lançamento bem-sucedido do míssil Hwasong-14. Segundo a Agência Telegráfica Central da Coreia (KCNA), o míssil voou cerca de 998 quilômetros, atingindo uma altitude de quase 3.725 quilômetros, e caiu no mar do Japão (também conhecido como mar do Leste) cerca de 47 minutos após o lançamento.

    Os militares dos EUA e da Coreia do Sul consideram esse míssil como intercontinental. De acordo com os dados do Ministério da Defesa russo, no entanto, a Coreia do Norte lançou um míssil de alcance intermediário, que voou cerca de 732 quilômetros, atingindo uma altitude de 681 quilômetros.

    Mais:

    Senador: Trump está pronto para 'destruir a Coreia do Norte'
    Representante dos EUA na ONU: tempo para negociar sobre Coreia do Norte 'acabou'
    Embaixadora dos EUA na ONU diz que 'está na hora da China agir' contra Coreia do Norte
    Tags:
    defesa, bomba de hidrogênio, mísseis, Hwasong-14, Pentágono, Kim Jong-un, EUA, Coreia do Norte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar