02:58 22 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Caça chinês J-31 no Airshow China 2014

    China sobre intercepção do avião dos EUA: 'legal, necessário e profissional'

    © AFP 2019 / Johannes Eisele
    Ásia e Oceania
    URL curta
    12181
    Nos siga no

    A intercepção de um avião de reconhecimento norte-americano por dois jatos chineses por cima do mar Amarelo foi "legal, necessário e profissional", proclamou Pequim, adiantando que tais voos de Washington ameaçam a segurança nacional da China.

    "Reconhecimento de proximidade por aeronaves norte-americanas ameaça a segurança nacional da China, prejudica a segurança aérea e marítima sino-estadunidense, ameaça a segurança pessoal dos pilotos de ambas as partes e é a raiz do problema dos incidentes inesperados", acrescentou o porta-voz do Ministério da Defesa da China Ren Guoqiang citado pela RT.

    ​As atividades dos jatos chineses foram "legais, necessárias e profissionais" e foram realizados "em conformidade com a lei e as regras", acrescentou ele.

    A declaração foi feita antes de os representantes oficiais norte-americanos informarem a mídia local sobre o avião de reconhecimento ter sido interceptado por dois jatos chineses no domingo.

    O avião de reconhecimento dos EUA EP-3 ARIES voava a uma distância de cerca de 140 quilômetros do porto de Qingdao, que fica na costa leste da China, quando dois jatos interceptores dotados de mísseis ar-ar se aproximaram dele.

    Um dos jatos chineses voou por baixo do EP-3 e apareceu a uma distância de 90 metros à frente dele, obrigando a tripulação a "efetuar uma manobra evasiva para evitar a colisão", comunica o responsável oficial.

    O EP-3 Airborne Reconnaissance Integrated Electronic System (ARIES) é uma versão do avião de reconhecimento P-3 Orion.

    As forças dos EUA intensificaram recentemente sua atividade na região, provocando a indignação da China. Mais cedo em julho, Pequim protestou contra o fato de dois bombardeiros supersônicos estadunidenses terem sobrevoado os territórios em disputa no mar do Sul da China.

    Mais:

    China espera que os EUA ponham fim às provocações no mar do Sul da China
    Tags:
    tensão, opinião, posição, defesa, caça, reconhecimento, intercepção, EUA, China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar