02:42 27 Fevereiro 2020
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    Tensão sem precedentes entre Coreia do Norte e EUA (186)
    742
    Nos siga no

    Dois bombardeiros dos EUA sobrevoaram a Península da Coreia em uma demostração de força após o teste de um míssil balístico intercontinental (ICBM, na sigla em inglês) da Coreia da Norte.

    A afirmação foi feita pela Força Área da Coreia do Sul para a mídia local.

    O exército sul-coreano disse que dois caças F-15 e F-16 participaram da atividade com o objetivo de "responder severamente" aos lançamentos de mísseis balísticos de Pyongyang.

    Os aviões de guerra supostamente realizaram treinos de disparo na província de Gangwon, uma região próxima da fronteira com a Coreia do Norte.

    Na sexta-feira, dois bombardeiros estadunidenses também voaram sobre o disputado mar da China Oriental, que é reivindicado por Pequim. A ação teria como objetivo demonstrar que os EUA consideram o local território internacional.

    Tema:
    Tensão sem precedentes entre Coreia do Norte e EUA (186)

    Mais:

    Coreia do Norte promete mais 'pacotes de presentes' para os EUA
    Trump e Merkel discutiram ativação dos acordos de Minsk, Qatar e Coreia do Norte
    EUA implantarão o THAAD na Coreia do Sul, apesar dos protestos da Rússia e da China
    Pentágono classificou o lançamento de míssil da Coreia do Norte de provocação
    'Coreia do Norte pode se tornar o Iraque de Trump', diz senador russo
    Tags:
    Força Área da Coreia do Sul
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar