00:50 29 Junho 2017
Ouvir Rádio
    Bandeira da Coreia do Norte nas ruas de Pyongyang. 11 de abril, 2012

    'Terrorismo sob a capa de Estado': mídia norte-coreana critica campanha dos EUA na Síria

    © AFP 2017/ PEDRO UGARTE
    Ásia e Oceania
    URL curta
    81529140

    A agência estatal da Coreia do Norte, KCNA, acusou os EUA de realizarem uma campanha de terrorismo estatal na Síria, acrescentando que Washington prejudica a ação do governo sírio para preservar a integridade territorial do país.

    "Com as ações terroristas sob a máscara de Estado, os EUA estão impedindo o governo sírio de preservar a integridade territorial do país. É como se fosse um obstáculo, enquanto os mísseis e bombas dos ianques matam pessoas inocentes em partes diferentes do mundo", disse a mídia.

    A Rússia tem apoiado Damasco na sua luta contra o terrorismo desde o início da guerra na Síria em 2011, realizando operações aéreas antiterroristas contra os islamistas a partir de 2015. Além disso, Moscou envia regularmente à Síria ajuda humanitária.

    Os EUA também estão envolvidos no combate ao terrorismo na Síria, sendo líder da coalizão internacional que luta contra o grupo Daesh, proibido tanto na Rússia como na síria.

    No entanto, a KCNA insiste que as atividades militares dos EUA na Síria são cada vez mais e mais escandalosas. De acordo com a agência, os EUA são "o elemento-chave do terrorismo internacional", "destruindo a paz e a segurança no mundo".

    Mais:

    Tesouros subterrâneos da Coreia do Norte dos quais poucos sabem
    Qual Coreia do Norte? Mundo deveria estar mais preocupado com arsenal nuclear do Paquistão
    Por que razão Coreia do Norte decidiu libertar estudante norte-americano?
    Tags:
    terrorismo, acusações, coalizão internacional, KCNA, Síria, EUA, Coreia do Norte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik