01:57 22 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    Hotel de luxo é alvo de ataque nas Filipinas

    Explosões e tiros deixam vários feridos em hotel de luxo nas Filipinas (FOTOS, VÍDEOS)

    © AP Photo / Bullit Marquez
    Ásia e Oceania
    URL curta
    501

    Pelo menos 25 pessoas ficaram feridas em um tiroteio registrado em um hotel de luxo na região metropolitana da capital Manila, nas Filipinas, na madrugada desta sexta-feira (horário local), informou a imprensa local com base em informações da Cruz Vermelha filipina.

    Apesar do Daesh ter reivindicado a autoria do ataque, as autoridades filipinas afirmam que se trata de um crime comum, e não terrorismo.

    Imagens e vídeos compartilhados nas redes sociais mostram pessoas em fuga do hotel Resorts World Manila - que abriga ainda um shopping e um casino -, conhecido por receber e abrigar turistas estrangeiros – boa parte deles britânicos, de acordo com a RT.

    De acordo com a rede norte-americana CNN, além dos tiros foram ouvidas explosões no local, o que fez com que a polícia e as forças especiais de segurança fossem logo acionadas. A situação foi rapidamente controlado, segundo o porta-voz militar Restituto Padilla.

    Testemunhas informaram que um homem encapuzado abriu fogo contra os turistas que estavam dentro do prédio do hotel, localizado na cidade de Pasay, próxima do aeroporto internacional de Manila, por onde passam 100 mil passageiros todos os dias.

    Um representante do Daesh informou que o grupo terrorista é o responsável pelo ataque, de acordo com o grupo de inteligência SITE.

    Ambulâncias também se deslocaram ao local para fazer o atendimento às vítimas - muitas delas ficaram feridas por saltarem do segundo andar do prédio.

    O incidente foi registrado enquanto acontece um cerco mortal de 10 dias, capitaneado por militantes muçulmanos alinhados ao Daesh, na cidade do sul de Marawi.

    O ataque ao hotel provocou o temor de que os militantes alinhados ao grupo terrorista possam realizar novos ataques em outros lugares, para assim desviar o foco de milhares de soldados que tentam reprimir o cerco.

    Mais:

    Manila envia emissário a Pequim para negociar disputa territorial no Mar do Sul da China
    Tags:
    violência, atentado, terrorismo, Daesh, Manila, Filipinas
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik