14:48 23 Fevereiro 2020
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    450
    Nos siga no

    O grupo naval norte-americano, liderado pelo porta-aviões USS Carl Vinson, está encerrando sua missão na Península Coreana e deixará o mar do Japão (também conhecido como mar do Leste) na noite desta quarta-feira, informou a agência de notícias Yonhap, citando a Marinha da Coreia do Sul.

    O grupo está deixando a região, pois o porta-aviões USS Ronald Reagan, baseado no Japão, planeja retomar as operações, após ter realizado trabalhos de manutenção regular, acrescentou a mídia. A imprensa local enfatizou que os planos de USS Ronald Reagan permanecem desconhecidos. Dessa forma, ainda não está claro se a embarcação planeja realizar manobras no mar do Japão, acrescentou Yonhap.

    Em abril, o grupo naval, liderado pelo porta-aviões USS Carl Vinson, foi enviado para a Península da Coreia em resposta à uma série de lançamentos de mísseis e testes nucleares realizados pela Coreia do Norte. O grupo naval participou de exercícios militares cinjuntos dos EUA e da Coreia do Sul.

    Além do porta-aviões USS Carl Vinson, o grupo naval conta com o cruzador de mísseis guiados USS Lake Champlain, bem como com os contratorpedeiros de mísseis guiados USS Michael Murphy e USS Wayne E. Meyer.

    Mais:

    Navios de guerra dos EUA iniciam exercícios no mar do Japão nesta quarta-feira
    Imprensa: USS Carl Vinson deixará as águas coreanas e voltará aos EUA
    Com 21 dias de atraso, USS Carl Vinson chega à península coreana
    Tags:
    porta-aviões, USS Carl Vinson, Mar do Japão, Península da Coreia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar