03:18 16 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    Pessoal militar paquistanês ao lado de um míssil superfície-superfície de curto alcance NASR durante desfile militar do Dia do Paquistão em Islamabad, em 23 de março de 2015

    Conheça a próxima crise nuclear mundial – e que não envolve EUA e Coreia do Norte

    © AFP 2017/ AAMIR QURESHI
    Ásia e Oceania
    URL curta
    295450

    Uma mescla explosiva e armas nucleares, terrorismo e planos de guerra na Ásia Meridional pode colocar o mundo em perigo. E não estamos falando das tensões na Península Coreana envolvendo a Coreia do Norte e os Estados Unidos.

    Segundo reportagem do site norte-americano The Huffington Post, as tensões envolvendo a Índia e o Paquistão continuam altas e possuem componentes para uma escalada nos próximos meses.

    A publicação menciona que os paquistaneses – donos de mais de 100 ogivas nucleares e mísseis capazes de transportá-las – pretendem aumentar o seu arsenal de armas de curto alcance, com o foco em um eventual conflito com os indianos, maiores e mais poderosos.

    O número de ogivas da Índia também é de aproximadamente 100, o que eleva os riscos de uma guerra nuclear na região. Mas, de acordo com especialistas, mais preocupante que o número de armas é a crescente instabilidade e um possível “acidente”.

    Não pode ser descartada a possibilidade de que um erro de cálculo ou um ataque terrorista possa motivar a deflagração de um conflito nuclear entre os dois países, de acordo com o site.

    “Todo o subcontinente da Ásia Meridional está convertido em um barril de pólvora nuclear. É possível imaginar facilmente um processo inadvertido de escalada da tensão que poderia conduzir a uma guerra nuclear total provocada pelo terrorismo”, avaliou à publicação o analista de armas nuclear do Centro Belfer de Ciência e Assuntos Internacionais da Universidade de Harvard, Matthew Bunn.

    Desde 1947, já foram quatro guerras entre indianos e paquistaneses, além de inúmeros incidentes fronteiriços.

    Mais:

    Exército da Índia realiza 2 testes do míssil BrahMos
    Índia lança míssil capaz de transportar ogivas nucleares
    10 guardas iranianos são mortos na fronteira do Paquistão
    Tags:
    terrorismo, guerra nuclear, guerra, Matthew Bunn, Paquistão, Índia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik