17:41 17 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Militares são vistos em cima de um blindado durante festejos do 105 aniversário de Kim Il-sung

    Coreia do Norte está 'no estágio final' do seu programa nuclear, diz Seul

    © Sputnik / Ilia Pitalev
    Ásia e Oceania
    URL curta
    Tensão sem precedentes entre Coreia do Norte e EUA (186)
    3968
    Nos siga no

    O ministro de Relações Exteriores da Coreia do Sul, Yung Byung-se, alertou nesta sexta-feira para o fato de que o seu vizinho do norte está perto de completar o desenvolvimento do seu programa nuclear, o que colocará todas as nações do planeta em perigo.

    A declaração foi feita durante o encontro do Conselho de Segurança da ONU, realizado nesta sexta-feira.

    “A Coreia do Norte está agora na fase final do seu armamento nuclear e afirma ser um estado de armas nucleares”, afirmou Yun. “O rápido desenvolvimento de mísseis balísticos de todos os tipos e alcances agora ameaça atingir todos os cantos do mundo”.

    O ministro sul-coreano ainda pediu que o conselho considerasse cortar os suprimentos de petróleo para a Coreia do Norte, além de paralisar a importação de carvão proveniente de Pyongyang.

    “Poderíamos tomar medidas fortes, como suspender as exportações e o fornecimento de petróleo bruto para a Coreia do Norte, cortando completamente os ganhos em divisas norte-coreanos, suspendendo, por exemplo, todas as importações de carvão da Coreia do Norte”, explicou.

    A situação de tensão na Península Coreana foi o tema central do encontro do conselho. Yun sugeriu também que a Coreia do Norte perca o seu assento na ONU, uma vez que o seu programa nuclear viola as resoluções da entidade.

    Outro a falar duro contra Pyongyang foi o secretário de Estado dos Estados Unidos, Rex Tillerson. Ele voltou a pedir que o conselho imponha novas sanções contra a Coreia do Norte. Ele opinou ainda que, tivessem sido aplicadas sanções antes, as tensões não teriam aumentado tanto.

    “Não vamos negociar o nosso retorno à mesa de negociações com a Coreia do Norte, não vamos premiar as violações deles das resoluções passadas, não vamos premiar o comportamento ruim deles com conversações”, concluiu Tillerson.

    Tema:
    Tensão sem precedentes entre Coreia do Norte e EUA (186)

    Mais:

    Trump indica possibilidade 'de grande conflito' com Coreia do Norte
    Americanos acreditam que força militar será necessária para parar a Coreia do Norte
    Tillerson: China alertou Coreia do Norte sobre sanções após teste nuclear
    Tags:
    sanções, armas nucleares, guerra nuclear, guerra, Conselho de Segurança da ONU, ONU, Rex Tillerson, Yung Byung-se, Coreia do Sul, Coreia do Norte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar