03:04 23 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Esta foto mostra militares durante o desfile militar comemorando os 105 anos de nascimento de Kim Il-sung

    Coreia do Norte diz que concluiu preparativos para atacar bases dos EUA

    © Sputnik/ Ilia Pitalev
    Ásia e Oceania
    URL curta
    Tensão sem precedentes entre Coreia do Norte e EUA (185)
    126246196118

    O ministro das Forças Armadas da Coreia do Norte, Pak Yong-sik, afirmou nesta segunda-feira que foram concluídos os processos de implantação de “forças de ataque efetivas e modificadas” que podem ser usadas contra os Estados Unidos e seus aliados.

    “Nossas armas nucleares, capazes de atacar as bases militares dos EUA na Ásia, no Pacífico E nos Estados Unidos estão totalmente preparadas para serem disparadas”, declarou Yong-sik, em declarações reproduzidas pela agência Yonhap.

    Pak destacou ainda que as forças inimigas de Pyongyang estão se movimentando com o objetivo de um ataque contra a capital do país, apesar de seguidas advertências por parte do governo norte-coreano. Assim, o país se vê obrigado a lançar um forte ataque preventivo que acabará com todas as “bases dos inimigos”.

    A Coreia do Norte celebra nesta terça-feira o 85º aniversário da criação do seu Exército Popular, evento que especialistas acreditam que pode contar com o sexto teste nuclear de mísseis do país asiático. Desde 2006 já foram realizados cinco testes pelos norte-coreanos.

    Os Estados Unidos prometem pressionar por novas sanções duras contra Pyongyang no Conselho de Segurança da ONU, enquanto forças militares norte-americanas, japonesas e sul-coreanas prosseguem com treinamentos conjuntos no Mar do Japão.

    Tema:
    Tensão sem precedentes entre Coreia do Norte e EUA (185)

    Mais:

    Trump defende sanções mais duras para 'problema mundial chamado Coreia do Norte'
    China pede que EUA e Coreia do Norte 'apertem os freios' no discurso belicista
    Coreia do Sul desenvolve novo equipamento para conter artilharia norte-coreana
    Tags:
    terceira guerra mundial, guerra nuclear, guerra, Pak Yong-sik, Coreia do Norte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik