06:50 15 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Militar norte-americano na base aérea de Osan na Coreia do Sul, 1 de janeiro de 2016

    Senador russo: EUA não poderão proteger suas bases se Coreia do Norte atacar

    © AFP 2019/ JUNG YEON-JE
    Ásia e Oceania
    URL curta
    Tensão sem precedentes entre Coreia do Norte e EUA (186)
    18275
    Nos siga no

    Se EUA realizarem ataque preventivo à Coreia do Norte, não conseguirão, considerando todo o seu poder militar, defender nem a Coreia do Sul, nem suas próprias bases militares, opina o senador russo, Aleksei Pushkov.

    ​As tensões geopolíticas continuam na península Coreana. No domingo (16), o Comitê dos Chefes do Estado-Maior da Coreia do Sul comunicou a realização de teste malsucedido de míssil norte-coreano. Ao mesmo tempo, o vice-presidente dos Estados Unidos, Mike Pence, que visitou na segunda-feira (17) a zona desmilitarizada (ZDM) declarou que a paciência dos EUA em relação à Coreia do Norte acabou.

    A ZDM é uma área de 4 quilômetros que marca a fronteira entre as duas Coreias.

    Tema:
    Tensão sem precedentes entre Coreia do Norte e EUA (186)

    Mais:

    Opinião: Coreia do Norte lançou míssil defeituoso de propósito
    Mídia informa sobre criação de 'tropas táticas especiais' na Coreia do Norte
    Coreia do Sul e EUA acordam instalar sistema THAAD antes da data prevista
    Vice-presidente: Paciência dos EUA em relação à Coreia do Norte acabou
    Tags:
    zona desmilitarizada, ataque preventivo, paciência, base militar, proteção, poder, resposta, Conselho da Federação Russa, Estado-Maior, Mike Pence, Aleksei Pushkov, Coreia do Sul, Coreia do Norte, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar