13:23 20 Setembro 2017
Ouvir Rádio
    Grupo de ilhas disputadas no mar do Sul da China: Uotsuri, Minamikojima e Kitakojima denominados Senkaku no Japão e Diaoyu na China (foto de arquivo)

    Japão protesta contra China devido à violação da soberania das ilhas disputadas

    © REUTERS/ Kyodo
    Ásia e Oceania
    URL curta
    583841

    O Ministério das Relações Exteriores do Japão apresentou, em conversa telefônica com o embaixador da China, o protesto contra mais uma aproximação de navios do país no território das ilhas disputadas de Senkaku, informa o canal de televisão NHK.

    Quatro navios da guarda costeira da China se aproximaram da área adjacente à zona econômica exclusiva do Japão. Nota-se que é a décima aproximação de navios chineses realizada somente neste ano. A última vez realizada pela China foi na segunda-feira (10). Os incidentes em questão provocam reação negativa japonesa, pois esse território é considerado por eles como seu. Já a China insiste que as ilhas são suas e, sendo assim, tem todo o direito de entrar na área marítima, informa o NHK.

    Segundo o protesto, apresentado para a China, "as ilhas de Senkaku são parte integrante do território do Japão, a intervenção em sua área aquática trata-se de violação da soberania e é completamente inaceitável".

    As ilhas de Senkaku são motivo de disputa territorial entre China e Japão. Segundo o lado japonês, as ilhas pertencem a eles desde 1895. Por sua vez, Pequim afirma que os mapas japoneses de 1783 e 1785 marcam as ilhas como território chinês.

    Depois da Segunda Guerra Mundial, as ilhas eram controladas pelos EUA e foram transferidas para o Japão em 1972. Taiwan e China continental defendem que o Japão ocupa ilegalmente as ilhas. O Japão considera que a China e Taiwan começaram a reivindicar o território, na década de 1970, depois de se tornar claro que as ilhas eram ricas em recursos fósseis.

    Mais:

    Será que aumento da confiança entre Rússia e Japão é perigoso para China?
    Japão se antecipa e prepara suas próprias propostas sobre Ilhas Curilas
    China retaliará se Japão enviar Izumo para o mar do Sul da China
    Japão pretende enviar maior navio de guerra para o mar do Sul da China
    Tags:
    zona econômica exclusiva, navios, disputa territorial, ilhas, soberania, violação, protestos, Ministério das Relações Exteriores, Ilhas Senkaku, Mar do Sul da China, Japão, China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik