14:10 11 Dezembro 2019
Ouvir Rádio
    South Korean Prime Minister Hwang Kyo-Ahn (R) makes an announcement confirming the policy to have middle and highschool students taught history only with government-issued textbooks at the government complex in Seoul on November 3, 2015

    Premiê sul-coreano se nega a investigar presidente afastada e pode sofrer impeachment

    © AFP 2019 / JUNG YEON-JE
    Ásia e Oceania
    URL curta
    103
    Nos siga no

    A principal força de oposição da Coreia do Sul, o Partido Democrático, disse hoje que vai buscar o impeachment do primeiro-ministro, Hwang Kyo-ahn. É só mais um capítulo no escândalo de corrupção e tráfico de influência que sacodem o mundo político do país asiático desde o ano passado.

    Sul-coreanos seguram velas durante uma manifestação contra a presidente Park Geun-hye em uma das avenidas principais de Seul, Coreia do Sul, 26 de novembro de 2016
    © REUTERS / Jeon Heon-kyun/Pool TPX IMAGES OF THE DAY
    A informação é da agência de notícias Yonhap e segue uma declaração de Hwang em se recusar a estender uma investigação em torno do escândalo de corrupção envolvendo a presidente afastada Park Geun-hye.

    Os líderes dos partidos da oposição estão se reunindo para discutir seus planos, com o Partido Popular também buscando a cooperação de outros partidos para acusar Hwang, que tem sido o presidente em exercício desde que Park foi posta em julgamento pelo Parlamento em dezembro.

    Mais:

    Ban Ki-moon reafirma pretensão de concorrer à presidência da Coreia do Sul
    Presidente afastada da Coreia do Sul acusa opositores de 'armação'
    Justiça da Coreia do Sul emite mandado de prisão para filha de amiga da presidente
    Tags:
    Partido Democrático da Coreia do Sul, Yonhap, Hwang Kyo-ahn, Park Geun-hye, Coreia do Sul
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar