13:52 16 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    070
    Nos siga no

    Caças da Força Aérea de Autodefesa do Japão levantaram voo na segunda-feira (9) por causa de sobrevoo por aviões militares chineses do estreito de Coreia perto das ilhas de Tsushima e Kyushu.

    Segundo os dados do canal de televisão NHK, que cita representantes do Ministério da Defesa, seis bombardeiros Xian H-6 sobrevoaram o estreito vindos do mar da China Oriental em direção ao mar do Japão e depois fizeram uma viragem e voaram em direção oposta. Ao mesmo tempo, nesta região foram detectados aviões de transporte Shaanxi Y-8 e Shaanxi Y-9.

    Representantes do Ministério da Defesa do Japão destacaram que os aviões chineses não violaram o espaço aéreo do Japão. Não há outros detalhes.

    O Japão continua seguindo de perto as atividades da China no mar da China Oriental, onde ficam ilhas Senkaku (denominadas na China como Diaoyu) disputadas por Tóquio e Pequim.

    A nova etapa de tensão nas relações aconteceu depois de, no fim de novembro de 2013, a China anunciar a criação da zona antiaérea e identificação sobre o mar da China Oriental.

    Mais:

    Japão realizará exercícios de evacuação para ameaças de ataques da Coreia do Norte
    Estátua de 'mulher de conforto' causa rusgas diplomáticas entre Japão e Coreia do Sul
    Coreia do Sul lança por engano mísseis antinavio no mar do Japão
    Rússia tem plano para atividade econômica conjunta com Japão nas Curilas
    Inédito: primeiro-ministro do Japão oferece condolências pelo ataque a Pearl Harbor
    Funcionários de bases americanas no Japão devem perder parte de sua imunidade legal
    Tags:
    Japão, China, aviões, fronteira, disputa, voo, caças
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar