09:15 28 Maio 2017
Ouvir Rádio
    Líder norte-coreano, Kim Jong-Un (arquivo)

    Aniversariante clandestino: quantos anos Kim Jong-un completa hoje?

    © REUTERS/ KCNA
    Ásia e Oceania
    URL curta
    151759111

    Neste domingo (8), o líder norte-coreano, Kim Jong-un, festeja a portas fechadas seu aniversário e esconde a sua verdadeira idade para que não parecer demasiado jovem para os subordinados.

    "Kim Jong-un lidera muitos funcionários de 30 a 40 anos de idade e, se eles soubessem sua verdadeira idade, pensariam ou não que ele na verdade poderia ser seu irmão mais novo", explicou em entrevista à agência Yonhap, Thae Yong-ho, ex-conselheiro norte-coreano que fugiu de Londres para a Coreia do Sul em 2016.

    Cinco anos se passaram desde que Kim Jong-un assumiu o poder da Coreia do norte. Todavia, nenhum dado oficial sobre data ou local de nascimento dele foi descoberto. Ao contrário do seu pai, Kim Jong-il e do seu avô, Kim Il-sung, o atual líder norte-coreano não celebra aniversário a nível nacional.

    "Esse dia não é festejado abertamente, mas todo mundo sabe que se trata de 8 de janeiro", confirmou o entrevistado da Yonhap.

    Para que esta data se torne festa nacional, a idade de Kim Jong-un deve ser revelada, mas ninguém dispõe da informação. De acordo com Thae Yong-ho, há rumores de que Kim Jong-un possa ter nascido em 1982 ou em 1984.

    O líder da Coreia do norte precisa deste mistério para "poder controlar seus funcionários, que são mais velhos do que ele", acredita o ex-diplomata.

    De acordo com a Yonhap, nem a Agência Central de Notícias da Coreia, nem a televisão local mencionaram qualquer coisa sobre este dia. Tampouco há notas no calendário da nação.

    Mais:

    Mídia: EUA e Coreia do Sul pretendem criar brigada para eliminar Kim Jong-un
    Kim Jong-un: mísseis balísticos intercontinentais estão quase prontos
    Revelados áudios secretos do ex-líder norte-coreano Kim Jong-il
    Tags:
    informações secretas, idade, aniversário, Kim Jong-un, Coreia do Norte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik