23:05 22 Abril 2018
Ouvir Rádio
    Ancara

    Pesquisa: 86% da população turca são a favor de desenvolvimento das relações com Rússia

    © REUTERS / Umit Bektas
    Ásia e Oceania
    URL curta
    223

    De acordo com a pesquisa, realizada pelo Centro de Pesquisas Sociológicas turco, Andy-Ar, especialmente para o portal de informação Haberturk, 86,6% dos entrevistados são a favor da continuação de desenvolvimento das relações russo-turcas. O diretor do centro, Faruk Acar, comentou os resultados da pesquisa para a Sputnik Turquia.

    Entre as perguntas feitas pelo centro, os entrevistados responderam a pergunta sobre a necessidade de desenvolvimento das relações após a superação da crise entre os dois países, iniciada por causa do incidente envolvendo o abate de um avião russo pela Turquia. 86,6% dos participantes são a favor da continuação de desenvolvimento das relações, 8,8% são contra, já 4,6% não souberam responder. Se analisarmos a porcentagem dos que são a favor segundo a filiação partidária, neste caso 89% dos eleitores do Partido da Justiça e Desenvolvimento — que está no poder — votaram 'a favor', 88% do Partido Republicano do Povo e do Partido do Movimento Nacionalista — de oposição — acreditam ser importante o progresso das relações e 85,1% do Partido Democrático dos Povos pró-curdo compartilham o mesmo pensamento.

    Comentando os resultados do inquéritoà Sputnik Turquia, Faruk Acar sublinhou que após a tomada de decisão do Parlamento Europeu de parar as negociações com a Turquia sobre a sua adesão à UE, na sociedade turca percebeu-se o surgimento de opinião negativa com relação à Europa.

    "Atualmente, a Organização para Cooperação de Xangai (OCX) está na agenda da Turquia e é vista por Ancara como um caminho alternativo de desenvolvimento. Este fator desempenha um papel importante nas atitudes dos cidadãos turcos que são a favor do reforço das relações com a Rússia. percebemos que a sociedade turca considera a necessidade de desenvolvimento ativo das relações com a Rússia, pois corresponde aos interesses da Turquia.

    Uma das razões para isso é as relações com a UE, cheias de problemas, sendo assim, a sociedade demonstra interesse na melhoraria de laços amigáveis com outros países, sendo a Rússia o mais próximo. Por outro lado, podemos dizer que as negociações entre Vladimir Putin e Recep Tayyip Erdogan, que recentemente se tornaram mais frequentes, agora são mais produtivas. E, como podemos ver, tal progresso reflete positivamente na sociedade turca."

    Segundo o diretor do centro, após o rompimento das relações da Turquia com os EUA e Europa, a Rússia assumiu posto de prioridade para cooperação.

    "A piora nas relações com a Rússia após o incidente com o avião teve um impacto negativo sobre a economia, em particular, isso afetou fortemente o sector do turismo, agricultura, no comércio em geral. A situação fez com que muitos parassem para pensar nas consequências. Tornou-se evidente que a cooperação bilateral com a Rússia no comércio corresponde aos interesses da Turquia.

    Por isso, agora, todos os eleitores se mostram satisfeitos com o fim da crise. É necessário que os projetos suspendidos, em primeiro lugar, em termos econômicos, sejam renovados, o turismo reviva e o sector agrícola seja completamente libertado das restrições. O eleitor acredita que a remoção dessas questões beneficie a Turquia. Tal entendimento surgiu durante a crise", disse Acar, comentando o apoio da maioria da população turca ao progresso das relações entre Rússia e Turquia.

    Mais:

    Rússia e Turquia aprovaram plano de cooperação para próximos 2 anos
    Chanceler russo: Rússia e Turquia estão unidas no combate ao terrorismo na Síria
    Vice-premiê da Turquia destaca papel da Rússia no sucesso da operação turca na Síria
    Merkel é contrária às negociações sobre adesão da Turquia à UE, diz mídia
    Ex-embaixador turco na França: Turquia não deseja mais ser membro da União Europeia
    Tags:
    eleitores, boas relações, população, desenvolvimento, inquérito, crise, economia, turismo, UE, Recep Tayyip Erdogan, Vladimir Putin, Ancara, Turquia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik