07:06 28 Janeiro 2020
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    1132
    Nos siga no

    Em 5 de dezembro de 2016, celebra-se o 75º aniversário da contraofensiva do exército soviético contra as tropas fascistas perto de Moscou, que resultou na primeira derrota da Alemanha na Grande Guerra pela Pátria.

    Porém, poucas pessoas sabem que soldados do Vietnã também participaram da defesa da capital russa neste dia.

    É difícil dizer quantos vietnamitas participaram da Grande Guerra pela Pátria (parte da Segunda Guerra Mundial, compreendida entre 22 de junho de 1941 e 9 de maio de 1945, e limitada às hostilidades entre a União Soviética e a Alemanha nazista e seus aliados).

    O general Le Duc Anh Em, ainda quando era presidente do Vietnã, disse em entrevista:

    "Tenho certeza de que nenhum vietnamita, que estava na URSS naquela época, ficou de fora da luta santa contra o fascismo."

    A dificuldade de dar uma cifra exata dos soldados do Vietnã se deve ao fato de que todos eles vieram a Moscou para se envolver na atividade revolucionária, chegando a ser perseguidos pelo serviço de segurança da França e da Indochina Francesa. O contato era impossível, pois eles viviam com nomes russos, cazaques e quirguizes. Não com seus nomes de nascimento, mas com seus nomes "pela causa" que os vietnamitas ensinavam, trabalhavam e ingressavam ao Exército Vermelho – para combater fascistas.

    Somente graças à procura – de muitos anos – realizada por veteranos de guerra, historiadores, ativistas e correspondentes da Sputnik Vietnã, foi possível encontrar os nomes de sete participantes vietnamitas da Grande Guerra pela Pátria. Seis deles vieram a Moscou por recomendação de Ho Chi Minh ainda no início dos anos 30 e, após o ataque alemão, alistaram-se ao regimento da Brigada de infantaria mecanizada especial.

    A brigada protegia um dos setores da defesa moscovita. O monumento aos defensores da Pátria, grandes cópias de concreto de "ouriços" antitanque, foi construído precisamente no local onde os soldados da brigada se defendiam. A retaguarda do setor destinada à brigada chegava até as muralhas do Kremlin.

    Li Fu Shan guerreou pela União Soviética e se tornou o único soldado vietnamita que sobreviveu até a Vitória
    © Sputnik /
    Li Fu Shan guerreou pela União Soviética e se tornou o único soldado vietnamita que sobreviveu até a Vitória

    Em 7 de novembro, de manhã, na Praça Vermelha, foi realizado o desfile militar, do qual participaram seis soldados vietnamitas que guerrearam pela brigada. Os mesmos soldados do Vietnã tomaram parte na contraofensiva do Exército Vermelho em 5 de dezembro de 1941 que conseguiu afastar os fascistas para oeste de Moscou. Os nomes de quatro deles foram revelados ainda em 1985 — Vuong Thuc Tinh, Li Nam Thanh, Li Thuc Chat e Li Anh Tao. No 40º aniversário da Vitória eles receberam ordens soviéticas de primeiro grau em caráter póstumo, as respectivas condecorações foram entregues às suas famílias. Posteriormente, foram descobertos os nomes dos dois outros soldados: La Van Min e Li Ti Thong.

    O único soldado vietnamita que sobreviveu até a Vitória foi Li Fu Shan que recebeu a ordem da Grande Guerra pela Pátria de primeiro grau. A filha dele, Le Thi Phuong, em entrevista exclusiva à Sputnik Vietnã, contou que quando os fascistas atacaram a União Soviética, o pai dela trabalhava em um hospital militar em Moscou, cuidando de soldados feridos, e defendeu a capital russa.

    "Apesar da fome e do frio, unimos nossas forças em prol da vitória", recorda Phuong.

    No dia 9 de maio, grande data na história da Rússia, centenas de soldados desfilam até a Praça Vermelha, no centro de Moscou, seguidos por veículos militares dos tempos soviéticos e equipamentos modernos. O desfile celebra o dia da Vitória soviética sobre as forças nazistas alemãs.

    Mais:

    Marinha dos EUA volta ao Vietnã após 40 anos
    Família passa 40 anos escondida com medo da guerra no Vietnã
    Tags:
    veteranos de guerra, contra-ofensiva, participantes, batalha, Grande Guerra Patriótica, Segunda Guerra Mundial, Exército Vermelho, Sputnik, União Soviética, Vietnã, Moscou, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar