16:33 17 Julho 2018
Ouvir Rádio
    Soldado norte-coreano próximo à fronteira com a Coreia do Sul.

    Seul não quer compromissos com Pyongyang

    © REUTERS / Kim Hong-Ji
    Ásia e Oceania
    URL curta
    2413

    A Coreia do Sul não pretende buscar qualquer compromisso com a Coreia do Norte.

    "Apesar de que as pessoas sofrem de inundações e dificuldades econômicas, a Coreia do Norte continua a ameaçar a paz e o futuro do povo coreano, concentrando suas atividades em torno de desenvolvimento de armas nucleares e de mísseis", cita a agência Yonhap o texto da videomensagem da presidente sul-coreana Park Geun-hye por ocasião do festival de esportes para desertores da Coreia do Norte.

    "Nós nunca nos renderemos ou chegaremos ao compromisso com eles [Coreia do Norte]", disse a presidente sul-coreana.

    Na véspera, o Comando Estratégico das Forças Armadas dos EUA informou que os militares teriam registrado presumivelmente lançamento fracassado de um míssil na Coreia do Norte.

    "A Coreia do Sul fará todo o possível para interromper as ações provocativas da Coreia do Norte, cooperando estreitamente com a comunidade internacional para conseguirmos a desnuclearização da Península Coreana e a unificação pacífica," acrescentou Park Geun-hye.

    Mais:

    Coreia do Sul recebe primeiro lote dos novos mísseis Taurus
    Coreia do Sul prepara forças especiais para possível guerra com Pyongyang
    Militares dos EUA e da Coreia do Sul treinam assassinato de líderes norte-coreanos
    China espera que resolução da ONU sobre Coreia do Norte ajude a manter a paz
    Tags:
    tensão militar, tensão política, Park Geun-hye, Pyongyang, Seul, Coreia do Sul, Coreia do Norte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik