09:54 26 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    017
    Nos siga no

    Primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, confirmou hoje (24) apoio à cooperação com China e Coreia do Sul, impulsionado pelos testes nucleares realizados constantemente na Coreia do Norte.

    Abe declarou apoio em reunião com ministros das relações exteriores da China e da Coreia do Sul, em Tóquio. 

    Anteriormente, foi realizada reunião trilateral entre os ministros das Relações Exteriores do Japão, da China e da Coreia do Sul que teve como tema principal, o lançamento bem-sucedido de um míssil balístico, realizado por submarino norte-coreano, que atingiu território japonês. 

    "Não podemos tratar isso sem seriedade. A cooperação entre Japão, China e Coreia (do Sul) é pretendida", declarou Abe citado pela agência Kyodo

    O míssil balístico, lançado pela Coreia do Norte, teve alcance de aproximadamente mil quilômetros, de acordo com publicação da agência Yonhap

    O míssil caiu em tal localidade, a uma velocidade de 500 quilômetros, pois o ângulo de voo era especificamente elevado. Se a Coreia do Norte usasse um ângulo usual para tais tipos de misseis, eles poderiam ultrapassar a distância de mil quilômetros. 

    Mais:

    Sistema de defesa antimíssil na Coreia do Sul não é direcionado contra China ou Rússia
    Assustam Coreia do Norte, mas têm medo da China?
    Tags:
    Japão, China, Coreia do Sul, Coreia do Norte, Shinzo Abe, reunião, ministros, ameaça, cooperação, lançamento, mísseis
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar