02:39 21 Junho 2021
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    41711
    Nos siga no

    Anteriormente, o ex-presidente dos EUA confirmou que os militares norte-americanos estavam observando imagens de OVNIs cuja "trajetória natural" não pode ser explicada.

    Barack Obama, ex-presidente dos EUA (2009-2017), foi perguntado em uma entrevista no podcast The Ezra Klein Show na segunda-feira (31) se uma possível "prova inegável" da existência de alienígenas mudaria sua "teoria sobre para onde a humanidade deveria ir".

    "Isso não mudaria em nada minha política, porque toda a minha política está baseada no fato de que somos estes pequenos organismos sobre este pequeno grão flutuando no meio do espaço", respondeu Obama.

    Ele também disse que antes costumava animar seus funcionários durante "tempos políticos difíceis", contando-lhes uma estatística de seu conselheiro científico, John Holdren, a qual dizia que "há mais estrelas no Universo conhecido do que grãos de areia no planeta Terra".

    O ex-chefe de Estado afirmou que sua "política sempre teve como premissa a noção de que as diferenças que temos neste planeta são reais". Se soubesse que existiam alienígenas, Obama assume que as pessoas perceberiam "que o que temos em comum é um pouco mais importante".

    "Mas sem dúvida haveria argumentos imediatos sobre como, bem, precisamos gastar muito mais dinheiro em sistemas de armas para nos defendermos. Novas religiões apareceriam. E quem sabe em que tipo de argumentos entraríamos. Somos bons em fabricar argumentos uns para os outros", comentou.

    Em 17 de maio Obama revelou, falando em um programa na emissora CBS, que os militares dos EUA tinham "imagens e registros de objetos nos céus" com uma trajetória natural desconhecida, mas rejeitou as alegações de que o governo mantém "espécimes e naves espaciais alienígenas" em um laboratório secreto.

    Especulações sobre OVNIs têm sido alimentadas por antigos representantes militares dos EUA, que afirmaram que os fenômenos aéreos são realmente reais, com o Pentágono prometendo liberar mais documentos sobre o assunto.

    Sean Cahil, chefe aposentado da Marinha dos EUA, afirmou à emissora CNN em 18 de maio que as imagens de um OVNI perto da costa de San Diego, Califórnia, filmadas em julho de 2019 pela tripulação do navio de guerra USS Omaha (LCS-12), e liberadas no último mês, são reais.

    Cahil crê que a tecnologia "era algo contra o qual não teríamos sido capazes de defender nossas forças na época", pois "ultrapassa nosso arsenal em pelo menos 100 a 1.000 anos no momento".

    Mais:

    OVNIs são 'uma coisa bem maior para nos preocuparmos', afirma senador dos EUA
    Submarinos dos EUA registram objetos subaquáticos misteriosos, diz mídia
    Donald Trump rompe silêncio sobre próximo relatório sobre OVNIs do Pentágono
    Mulher flagra OVNI 'com aura' nos EUA e especialista explica razão (VÍDEO)
    'Desafiaria crenças': ex-funcionário do Pentágono diz por que EUA comentam pouco sobre OVNIs
    Tags:
    CBS, Califórnia, San Diego, Marinha dos EUA, Marinha, EUA, Barack Obama
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar