21:55 23 Junho 2021
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    380
    Nos siga no

    O Departamento do Tesouro dos EUA abriu exceções a ordens executivas de 2018 e 2019 no que toca a transações com a empresa petrolífera estatal venezuelana PDVSA.

    Os EUA autorizaram certas empresas a realizar transações com a empresa estatal Petróleo da Venezuela (PDVSA, na sigla em espanhol) até 1º de dezembro, apesar das sanções impostas pelos EUA à empresa de petróleo e gás, disse nesta terça-feira (1º) o Departamento do Tesouro norte-americano.

    "Todas as transações e atividades proibidas pela Ordem Executiva (OE) 13850 de 1º de novembro de 2018, emendada pela OE 13857 de 25 de janeiro de 2019, ou OE 13884 [...] que são normalmente incidentes e necessárias à manutenção limitada de operações essenciais, contratos ou outros acordos", começa por dizer o comunicado do Departamento do Tesouro dos EUA.

    Em seguida, o órgão norte-americano explica que: "(i) sejam para segurança ou preservação de ativos na Venezuela; (ii) envolvam a PDVSA ou qualquer entidade na qual a PDVSA possua, direta ou indiretamente, 50% ou mais de participação; e (iii) estivessem em vigor antes de 26 de julho de 2019, estejam autorizados até as 12h01 da manhã, horário padrão do oriental [fuso horário que vigora no leste dos EUA], 1º de dezembro de 2021".

    As empresas autorizadas a realizar transações com a PDVSA incluem a Chevron Corporation, Halliburton, Schlumberger Limited, Baker Hughes Holdings LLC, e Weatherford International, Companhia Pública Limitada, informou o comunicado.

    A PDVSA tem enfrentado ao longo dos anos desafios legais nos EUA relativos à expropriação de ativos da Citgo, sua filial no país norte-americano.

    Em 11 de fevereiro, Caracas referiu na Organização das Nações Unidas (ONU) o dano provocado pelas sanções dos EUA, dizendo que agravaram a crise econômica e pandêmica no país sul-americano.

    Mais:

    Justiça da Venezuela condena 2 ex-gerentes da PDVSA por entregarem informações sensíveis aos EUA
    Venezuela denuncia apropriação ilegal de filial de sua petrolífera nos EUA
    Executivos norte-americanos são condenados por corrupção na Venezuela
    EUA prorrogam sanções contra Venezuela para evitar que credores confisquem Citgo
    Tags:
    Nações Unidas, ONU, Organização das Nações Unidas, Chevron, PDVSA, Venezuela, Departamento do Tesouro dos EUA, Departamento do Tesouro, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar