13:23 18 Junho 2021
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    6641
    Nos siga no

    A porta-voz da Casa Branca, Karine Jean-Pierre, disse a repórteres nesta quarta-feira (19) que os EUA consideram a construção do gasoduto um "mau negócio" que representa uma ameaça à segurança energética da Europa.

    Ela se recusou a comentar sobre o esperado relatório do Departamento de Estado sobre o Nord Stream 2. "Este é o relatório deles, recomendo entrar em contato com o Departamento de Estado", disse Jean-Pierre.

    "O governo Biden deixou claro que o gasoduto Nord Stream 2 [Corrente do Norte 2] é um mau negócio, é um projeto geopolítico russo que ameaça a segurança energética europeia, a Ucrânia e o flanco oriental dos aliados e parceiros da OTAN", disse a porta-voz a repórteres.

    No início da última terça-feira (18), foi divulgado na mídia que a administração dos EUA pretendia renunciar às sanções contra a entidade empresarial e o presidente-executivo da construção do gasoduto Nord Stream 2.

    No porto de Mukran, em Sassnitz, na Alemanha, dutos que serão usados no oleoduto Nord Stream 2 são estocados, em 10 de setembro de 2020
    © REUTERS / Hannibal Hanschke
    No porto de Mukran, em Sassnitz, na Alemanha, dutos que serão usados no oleoduto Nord Stream 2 são estocados, em 10 de setembro de 2020

    O gasoduto Nord Stream 2 prevê a conexão entre Alemanha e Rússia pelo fundo do mar Báltico. Empresas da Áustria, França e Países Baixos também fazem parte da aliança do projeto. O objetivo do gasoduto é diversificar as rotas de fornecimento de gás da Rússia para a Europa, aumentando sua segurança energética.

    Os EUA fazem oposição à construção do gasoduto, oferecendo à Europa o seu gás natural liquefeito. Em janeiro, a Câmara dos Representantes e o Senado dos EUA adotaram sanções contra o gasoduto no orçamento da Defesa a partir do ano fiscal de 2021.

    Mais:

    EUA coordenarão com aliados possíveis sanções contra Nord Stream 2
    Em conversa com chanceler alemão, Blinken reforça oposição dos EUA ao Nord Stream 2
    Biden poderia estar planejando nova estratégia contra Nord Stream 2 sem criar tensões com Alemanha
    Tags:
    gasoduto, geopolitica, EUA, Nord Stream 2, Nord Stream, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar