18:46 07 Maio 2021
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    Mundo vs. pandemia do coronavírus no início de maio de 2021 (43)
    0 20
    Nos siga no

    A farmacêutica Pfizer espera desenvolver, até o final deste ano, uma versão alternativa "pronta para uso" de sua vacina contra a COVID-19 que pode ser usada sem diluição e armazenada a -20 graus Celsius.

    A informação foi divulgada nesta segunda-feira (3) pela vice-presidente da Pfizer para a cadeia de suprimentos global, Tanya Alcorn, segundo informou o portal Axios.

    A empresa também anunciou planos para começar a distribuir embalagens menores da vacina contra a COVID-19 em todo o mundo a partir do final de maio devido à demanda flutuante. A Pfizer diminuirá o número de doses de 1.170 para 450 para reduzir o desperdício potencial.

    ​Os fabricantes da vacina anteriormente exigiam temperaturas de armazenamento entre -80ºC e -60ºC graus Celsius. Essa exigência representou um sério desafio para a distribuição, especialmente entre as nações menos desenvolvidas, sem infraestrutura de rede de refrigeração.

    Em fevereiro, a Administração de Alimentos e Medicamentos (Food and Drug Administration, FDA) dos EUA anunciou que era possível transportar e armazenar a vacina Pfizer/BioNTech em temperaturas convencionais comuns aos freezers farmacêuticos. As novas condições de armazenamento tornaram-se possíveis devido a informações adicionais fornecidas pela Pfizer.

    The Wall Street Journal relatou no final de março, citando uma fonte da Pfizer, que a empresa norte-americana e seu parceiro alemão, BioNTech, começariam a testar uma versão liofilizada de sua vacina contra a COVID-19 em abril.

    Tema:
    Mundo vs. pandemia do coronavírus no início de maio de 2021 (43)

    Mais:

    Pfizer pode ter o 1º medicamento oral contra a COVID-19 no final de 2021
    Epidemiologista: vacina da Pfizer é 'segura e efetiva', mas Brasil precisa de mais doses
    Melhores fotos da semana em que Zé Gotinha dá boas-vindas ao 1º lote de vacinas da Pfizer no Brasil
    Tags:
    Pfizer, vacina, COVID-19, pandemia, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar