06:37 12 Maio 2021
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    220
    Nos siga no

    O Senado dos EUA aprovou nesta quarta-feira (28) uma medida para reverter uma regra do governo Trump, que removeu um regulamento da era Obama com limitações às emissões de metano para o setor de energia dos EUA.

    A resolução foi aprovada por 52 votos a 42, que incluíram o sinal verde de três senadores republicanos: Susan Collins (Maine), Lindsey Graham (Carolina do Sul) e Rob Portman (Ohio). Agora, o projeto de lei, que precisava de maioria simples para passar no Senado, seguirá para a Câmara dos Representantes, onde também deverá ser aprovado, já que os democratas são majoritários na Casa.

    ​Isto é grande: o Senado acaba de aprovar a reversão de uma decisão da era Trump para afrouxar os limites da poluição de metano na produção de petróleo e gás. Esta será uma das ações climáticas mais significativas dos últimos dez anos. 

    Hoje [28] o Senado deu um grande passo para proteger o nosso planeta e tornar o meio ambiente melhor para as futuras gerações. Ao derrubar a decisão perigosa de Trump sobre o metano, vamos reduzir os tipos de poluentes que contribuem para as mudanças climáticas e para a má qualidade do ar. 

    A Agência de Proteção Ambiental (EPA, na sigla em inglês) dos Estados Unidos concluiu o afrouxamento das regras de emissão de metano em setembro ano passado. Na época, o ex-responsável pelo órgão, Andrew Wheeler, declarou que a mudança "fortaleceria e promoveria o setor energético norte-americano", enquanto economizaria dezenas de milhões de dólares por ano para as empresas em requisitos de conformidade.

    Ontem (27), a Casa Branca afirmou que a administração Biden apoia a resolução para restabelecer limites nas emissões de metano pelo setor de petróleo e gás dos Estados Unidos, que desfaz a decisão do governo de Donald Trump de relaxar os requisitos de uma regra estabelecida por Obama em 2016.

    Mais:

    'EUA esperam trabalhar com Rússia': Biden muito 'animado' com apelo de Putin na Cúpula do Clima
    EUA de volta ao Acordo de Paris: 'Mudanças climáticas no centro da política externa'
    Mídia: embaixador dos EUA diz que cúpula é última chance de Bolsonaro mostrar compromisso ambiental
    Tags:
    legislação, emissão de gases, metano, meio ambiente, Senado dos EUA, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar