14:44 11 Maio 2021
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    5141
    Nos siga no

    O caça de quinta geração norte-americano demonstrou ter "um cronograma muito agressivo", pelo que seu melhoramento será adiado, afirmou membro da Força Aérea dos EUA.

    Os EUA pausarão o desenvolvimento de um novo sistema logístico para o caça de quinta geração F-35, revelou na quinta-feira (22) Eric Fick, tenente-general da Força Aérea dos EUA.

    O militar referiu os problemas que surgiram com a transição do Sistema Autônomo de Informação Logística (ALIS, na sigla em inglês) para a Rede Integrada de Dados Operacionais (ODIN, na sigla em inglês), sistemas que gerem o planejamento de missões, programação de voos, manutenção e consertos.

    "Apesar de todas as atividades positivas, subestimamos a complexidade da redução das capacidades do ALIS enquanto migramos para a ODIN e aprendemos várias lições importantes", disse ele em uma audiência do Comitê de Serviços Armados da Câmara dos Representantes dos EUA, conforme relatado pela revista Defense News.

    Fick reconheceu que ele "se comprometeu com um cronograma muito agressivo" em relação a essa modificação, mas desde então se tornou claro que essas projeções não seriam possíveis de cumprir.

    Assim, ele acrescentou que o Pentágono fará uma "pausa estratégica" na mudança para o novo sistema, citando também uma redução de 42% nos fundos de pesquisa e desenvolvimento para 2021.

    O F-35 tem enfrentado diversos problemas de projeto, particularmente devido a sua complexidade, sendo estimado que apenas o ALIS custou US$ 1 bilhão (R$ 5,44 bilhões) aos contribuintes norte-americanos, além dos US$ 471 milhões (R$ 2,56 bilhões) reservados à transição para a ODIN.

    Em janeiro de 2021 a agência Bloomberg relatou, citando documentos do Pentágono, que o caça dos EUA tem 871 deficiências de vários tipos, com perigo tanto para o equipamento como para os pilotos, obrigando também a interromper muitas operações iniciadas.

    Mais:

    Congressista dos EUA chama caça F-35 norte-americano de 'buraco de rato'
    Especialista militar russo explica fracasso do desenvolvimento do caça F-35 dos EUA
    Caças norte-americanos F-35 receberão tablets de comando com aplicativos de combate
    'Nossa peça dominante': melhoramentos na cabine do F-35 custarão mais de US$ 440 mi, informa mídia
    Tags:
    Força Aérea dos EUA, Força Aérea, Comitê de Serviços Armados da Câmara dos Deputados dos EUA, Comitê de Serviços Armados da Câmara dos Estados Unidos, Defense News, Pentágono, EUA, F-35
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar