23:30 31 Julho 2021
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    Pandemia de COVID-19 no mundo em meados de março de 2021 (83)
    0 20
    Nos siga no

    A Administração de Segurança do Transporte dos EUA disse que rastreou 1,357 milhão de passageiros nos aeroporto do país nesta sexta-feira (12), o maior número desde 15 de março de 2020.

    Isto indica, segundo o órgão, que as viagens aéreas começam a se recuperar de uma queda relacionada à pandemia do novo coronavírus, segundo publicou a Reuters.

    No início de março, a Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA, na sigla em inglês) já tinha informado que as perdas do setor se aprofundaram em janeiro de 2020, em comparação com os níveis anteriores à crise causada pela pandemia.

    ​Segundo o organismo divulgou em comunicado ao qual a Sputnik teve acesso, o tráfego aéreo internacional despencou 86%, enquanto o doméstico diminuiu 47%, em comparação com mesmo período de 2020.

    ​​A COVID-19 devastou a demanda por viagens aéreas nos EUA, mostrando uma queda de 60% em 2020 e 63% em janeiro deste ano. Mas com um número crescente de americanos sendo vacinados, a demanda e as reservas antecipadas começaram a aumentar nas últimas semanas.

    Os números de sexta-feira (12) ainda caíram 38% em relação aos níveis pré-COVID-19.

    Tema:
    Pandemia de COVID-19 no mundo em meados de março de 2021 (83)

    Mais:

    FOTOS de satélite detectam construção de pista de aviação em ilha estratégica no mar Vermelho
    Washington pode colocar 117 empresas de aviação chinesas e russas na 'lista negra'
    Agência chinesa de aviação civil recomenda que aeromoças usem fraldas contra a COVID-19
    Tags:
    economia, COVID-19, pandemia, passageiros, aviação civil, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar