01:19 01 Março 2021
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    Pandemia da COVID-19 no mundo em meados de fevereiro de 2021 (110)
    540
    Nos siga no

    Nesta sexta-feira (19), o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, prometeu que seu governo fará um esforço conjunto para erradicar o câncer no país assim que a pandemia do coronavírus for derrotada.

    Biden, que perdeu seu filho mais velho, Beau, para o câncer, prometeu reunir os principais cientistas do país para um esforço de pesquisa avançada sobre o câncer semelhante à DARPA, a Agência de Projetos de Pesquisa Avançada de Defesa do Pentágono.

    "Quero que vocês saibam que, assim que derrotarmos a COVID-19, faremos tudo o que pudermos para eliminar o câncer como o conhecemos", disse Biden em declaração pública durante uma visita a uma fábrica de vacinas da Pfizer em Kalamazoo, no estado norte-americano do Michigan.

    Citada por Biden, a DARPA é uma agência responsável pelo desenvolvimento de tecnologias inovadoras para uso militar. O presidente norte-americano disse acreditar que os EUA estarão próximos da normalidade até o final deste ano, apesar de dizer que "não pode assumir esse compromisso".

    Presidente dos EUA, Joe Biden, adota novas restrições para combater a COVID-19, em Washington, EUA, 21 de janeiro de 2021
    © REUTERS / Jonathan Ernst
    Presidente dos EUA, Joe Biden, adota novas restrições para combater a COVID-19, em Washington, EUA, 21 de janeiro de 2021

    O presidente dos EUA reiterou que seu governo pretende fornecer 600 milhões de doses de uma vacina contra o novo coronavírus até o final de julho deste ano, o suficiente para vacinar todos os cidadãos norte-americanos. Apesar disso, afirmou que pode levar mais tempo para administrar a aplicação das doses.

    Os EUA são o país mais impactado pela pandemia da COVID-19. Segundo os dados da Universidade Johns Hopkins, o país tem quase 28 milhões de casos confirmados de COVID-19 e mais de 495 mil mortes causadas pela doença. Conforme o painel do site Our World in Data, os EUA são também o país com mais pessoas vacinadas em números absolutos. Cerca de 57,8 milhões de norte-americanos receberam pelo menos a primeira dose de uma vacina contra o novo coronavírus.

    Tema:
    Pandemia da COVID-19 no mundo em meados de fevereiro de 2021 (110)

    Mais:

    Administração Biden inicia processo de fechamento da prisão de Guantánamo
    Dependente de terras raras da China, Biden quer revisão de cadeias de suprimentos dos EUA, diz mídia
    Biden acusa Rússia de querer minar 'projeto europeu'
    Tags:
    COVID-19, Pentágono, Estados Unidos, Joe Biden
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar