04:32 11 Maio 2021
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    0 23
    Nos siga no

    O secretário de Defesa dos EUA, Lloyd Austin, garantiu aos aliados da Otan, em comunicado nesta quinta-feira (18), que seu país não se retirará do Afeganistão de maneira precipitada ou desordenada.

    "O secretário de Defesa disse aos aliados que os EUA estão conduzindo uma revisão abrangente dos termos do acordo entre o país e o Talibã [organização terrorista proibida na Rússia e em vários outros países] para determinar se todas as partes aderiram a esses termos. E ele deixou claro que está comprometido em consultar os aliados e parceiros em todo o processo, garantindo aos aliados que o país não se retiraria precipitadamente ou desordenadamente do Afeganistão", citou o comunicado.

    Austin falou no segundo e último dia da Reunião Ministerial de Defesa da Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN).

    Soldados dos Estados Unidos na província de Logar, no Afeganistão
    © AP Photo / Rahmat Gul
    Soldados dos Estados Unidos na província de Logar, no Afeganistão

    Em paralelo, o secretário de Estado dos EUA, Antony Blinken, e o presidente afegão, Ashraf Ghani, discutiram a estratégia de Washington no país asiático, segundo informou o porta-voz do Departamento de Estado, Ned Price, nesta quinta-feira (18).

    "O secretário de Estado falou ontem [17] com o presidente afegão, Ashraf Ghani, para discutir a revisão dos EUA de sua estratégia atual no Afeganistão", disse o porta-voz.

    O secretário de Estado expressou o compromisso dos EUA em apoiar o processo de paz, um acordo político durável e um cessar-fogo permanente e abrangente no Afeganistão, acrescentou Price.

    Mais:

    Retirada da OTAN do Afeganistão dependerá dos níveis de violência, diz Stoltenberg
    Bombardeiros americanos no Ártico: Noruega teve de 'escolher' entre Rússia e EUA, diz especialista
    Pelo menos 1 milhão de pessoas permanecem sem luz após tempestade histórica nos EUA (VÍDEO)
    Tags:
    relações exteriores, militar, Pentágono, Afeganistão, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar