23:14 20 Junho 2021
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    5113
    Nos siga no

    A equipe jurídica do ex-presidente Donald Trump brincou neste domingo (14) com sua absolvição após julgamento de impeachment feito pelo Senado dos EUA.

    "Estamos indo para a Disney World". Foi assim que a equipe de Trump celebrou o resultado do processo de impeachment contra o ex-presidente dos Estados Unidos, escreve o portal The Hill.

    Trump foi absolvido após o julgamento de cinco dias no Senado em uma votação de 57-43. Para garantir uma condenação eram necessários 67 votos. Vale lembrar que sete republicanos votaram para condenar Trump.

    Bruce Castor, advogado do ex-presidente Donald Trump, fala durante o segundo julgamento de impeachment de Trump no Senado no Capitólio dos EUA em Washington
    Bruce Castor, advogado do ex-presidente Donald Trump, fala durante o segundo julgamento de impeachment de Trump no Senado no Capitólio dos EUA em Washington
    Os advogados do ex-presidente argumentaram que suas declarações antes da eleição foram protegidas pela Constituição e que não é possível condenar um ex-presidente que não pode ser destituído do cargo.

    Em um comunicado após a votação, Trump ofereceu poucas pistas, mas foi desafiador ao dizer aos apoiadores que seu movimento "apenas começou".

    "Nos próximos meses, tenho muito a compartilhar com vocês e estou ansioso para continuar nossa incrível jornada para alcançar a grandeza para todo o nosso povo", disse ele.

    O senador Lindsey Graham, que falou com Trump na noite de sábado (13), reconheceu que ele está "bravo com algumas pessoas", mas também "pronto para seguir em frente e reconstruir o Partido Republicano".

    Donald Trump, presidente dos EUA, gesticula durante comício em Washington, EUA, 6 de janeiro de 2021
    © REUTERS / Jim Bourg
    Donald Trump, presidente dos EUA, gesticula durante comício em Washington, EUA, 6 de janeiro de 2021

    Mais:

    Estado de saúde de Trump com a COVID-19 era mais sério do que foi relatado, diz NYT
    Justiça dos EUA revela que líder militante 'esperou direção' de Trump para invadir Capitólio
    Promotor sugere que Trump sabia dos riscos quando pediu para encontrar 'mais 1' voto
    Tags:
    advogados, Senado, impeachment, EUA, Disneylândia, Disney, Donald Trump
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar